Política

Polícia Civil recupera Hilux de Roberto Cláudio em atacado próximo ao aeroporto

554 4
Hilux de Roberto Cláudio estava desaparecida desde a madrugada desta terça (Foto: O POVO)

Hilux de Roberto Cláudio estava desaparecida desde a madrugada desta terça (Foto: O POVO)

Tomado de assalto na madrugada desta terça-feira, 6, o carro Toyota Hilux de Roberto Cláudio (PDT) foi recuperado agora há pouco pela Polícia Civil. Segundo a Secretaria de Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), o carro do prefeito estava abandonado atrás de um atacado localizado próximo do Aeroporto Pinto Martins.

Segundo um interlocutor da pasta, um dos motoristas do prefeito teve o carro tomado enquanto voltava para casa durante a madrugada. A ocorrência foi registrada no bairro Itaperi e já aparece no sistema de informações do Detran-Ce. Até a tarde desta terça, o veículo ainda não havia sido localizado.

A assessoria de imprensa da Prefeitura também confirmou o roubo. O prefeito Roberto Cláudio, no entanto, não se encontra em Fortaleza. Ele está em viagem para Lisboa, onde aproveita período de férias com a esposa e as duas filhas.

“Falência da segurança”

Crítico da gestão de segurança do Estado, o deputado Capitão Wagner (PR) comentou o caso nesta terça. “Esse fato só comprova a falência do sistema de segurança do Estado, quando todo e qualquer cidadão, inclusive o prefeito da cidade, está sujeito a esse tipo de modalidade criminosa (…) o crime hoje é audacioso e se sente muito a vontade no Ceará”, disse.

Conforme divulgou O POVO desta segunda-feira, 5, o Ceará registrou em 2016 média de 27 veículos roubados por dia. De janeiro a outubro, 8.337 veículos foram roubados no Estado.

Recomendado para você

4 Comentários

  • Sonia sousa disse:

    Só Deus na Cidade
    Fortaleza,
    muitas oração! !jesus esta voltando! !!
    Boa tarde!!!

  • Marcus disse:

    É Capitão, que tal fazer greve por melhores salários, talvez assim a violência seja reduzida.

  • Francisco Xavier de Vasconcelos disse:

    A atividade criminosa já ocupa parcela significativa da população e com poder de força maior do que o aparato policial. É um processo de autofagia social, como um câncer, cujas células cancerosas vão comendo as células sadias. Parece caminharmos inexoravelmente para a falência do tecido social, ou seja, o caos parece bater a nossa porta.

  • Paulo Figueiredo disse:

    É um grande verdade o que o Capitão falou, a bandidagem esta reinando em nossa cidade, esta insuportável.

\

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *