Política

Ex-secretário flagrado com ponto eletrônico no Enem é denunciado pelo MPF

O Ministério Público Federal apresentou, na Justiça Federal, denúncia contra Antônio Diego Lima Rodrigues, ex-secretário de Alto Santo pego em flagrante com ponto eletrônico durante o segundo dia de provas do Enem. Na ocasião, em  novembro do ano passado, ele chegou a ser preso, mas foi liberado menos de dois dias depois. Além disso, o MPF pediu a abertura de inquérito policial para identificar outros envolvidos no caso.

Quando foi preso, Rodrigues estava com um ponto eletrônico no ouvido, um transmissor escondido dentro da camisa, um gabarito da prova aplicada no dia anterior e um rascunho de uma redação com o tema da prova que veio a ser aplicada no dia da prisão, 6 de novembro. Nos telefones celulares do candidato foram identificadas pesquisas na internet sobre o tema da redação e que foram realizadas antes da prova.
Para o procurador da República Márcio Andrade Torres, autor da denúncia, o laudo não deixa dúvidas quanto à disponibilização de conteúdo sigiloso do exame antes da realização ao candidato. “Uma possível organização criminosa ainda não identificada obteve as provas e gabaritos do Enem, inclusive o tema da redação, antes da realização do certame e repassou a alguns candidatos, dentre eles o ora denunciado”, afirmou.

Recomendado para você