Política

MPF-CE denuncia ex-estagiários da Caixa por esquema de clonagem de cartões

O Ministério Público Federal no Ceará (MPF-CE) apresentou denúncia à Justiça Federal contra três ex-estagiários da Caixa Econômica Federal. Eles são acusados de utilizar senhas gerenciais para desbloquear cartões clonados por quadrilha, trocar senhas de clientes e movimentar valores.

O Blog Política optou por não divulgar os nomes dos ex-estagiários porque a denúncia ainda não foi aceita e também por não conseguir localizá-los para que pudessem se defender das acusações.

Segundo o inquérito policial, os três agiam em conjunto com a quadrilha da seguinte forma: quando o grupo tentava realizar operações bancárias com os cartões clonados, ocorria um erro de identificação que causava o bloqueio da conta. Nesse momento ocorria a participação dos denunciados, que realizavam os desbloqueios.

Em auditoria feita pela Caixa, foi constatado que as fraudes geraram um desfalque de mais de R$ 270 mil. Elas atingiram 94 contas de clientes pertencentes a 34 agências de seis estados da Federação. Nas declarações dadas à polícia, os três acusados negaram envolvimento no esquema.

O procurador regional da República Francisco de Araújo Macêdo Filho, autor da denúncia, pondera que “apesar de negarem suas participações nas fraudes, nas entrelinhas de suas declarações, detalham conhecimento das demandas das quadrilhas clonadoras de cartões”.

Com informações do MPF-CE

Recomendado para você