Política

“Você é o meu candidato a senador da República”, diz Camilo para Eunício

28344 16

Senador e candidato Eunício ao lado do governador Camilo durante convenção do MDB (Foto: Mauri Melo)

 

Na convenção que oficializou a candidatura ao Senado de Eunício Oliveira (MDB) na manhã de hoje, o governador do Estado Camilo Santana (PT) afirmou que o emedebista é a sua opção na disputa por uma das duas vagas na Casa disponíveis para o Ceará.

“Você é o meu candidato a senador da República”, disse Camilo para Eunício em meio a gritos e aplausos da militância eunicista, na sede da Associação Atlética Banco do Brasil (AABB), na avenida Barão de Studart, em Fortaleza.

Ao lado do presidente do Congresso no palanque montado no ginásio, o governador admitiu também que havia procurado Eunício, ainda no ano passado, para “pedir ajuda não para mim, mas para o meu Estado, para os cearenses, e encontrei as portas abertas”.

“Todos nós sabemos que disputamos a última eleição”, acrescentou Camilo referindo-se ao pleito de 2014, no qual derrotou o hoje aliado. “Talvez nós estejamos agora dando um exemplo de maturidade para a política cearense.”

Indicado na chapa governista para concorrer a uma das cadeiras de senador, o ex-governador e ex-ministro Cid Gomes (PDT) não compareceu ao evento. Camilo, no entanto, falou que trazia um recado do pedetista, que, segundo ele, não havia podido ir à convenção porque “estava lá tentando resolver a confusão das coligações de deputado federal e estadual”.

“O Cid mandou um recado pra você, Eunício”, anunciou o governador. “Ele disse que está junto com você.”

Cid e Eunício disputam vagas ao Senado em chapas separadas – Cid no bloco formalmente aliado ao Palácio da Abolição e o senador numa composição avulsa, que não está coligada ao PT de Camilo. Sem a aliança oficial, a participação do governador na campanha de Eunício deve se limitar a eventos como o de hoje.

Entre prefeitos de municípios cearenses, deputados estaduais e federais e os recém-chegados à base camilista Domingos Filho (conselheiro em disponibilidade do TCE) e Domingos Neto (deputado federal), o governador voltou a dizer que a proximidade com Eunício, iniciada em torno de projetos para o Ceará, havia evoluído para uma “parceria política”.

Como resposta, o presidente do Senado afirmou que essa “aliança é para eleger o ex-governador Cid Gomes para senador da República e o melhor governador deste Estado até hoje, Camilo Santana. E, se vocês entenderem, pra reeleger o senador Eunício Oliveira”.

Há uma semana, Camilo venceu uma queda de braço dentro do próprio partido ao derrotar a tese da candidatura própria ao Senado, defendida por uma ala petista ligada à deputada federal e ex-prefeita Luizianne Lins. Por maioria dos votos, o diretório estadual da legenda decidiu, durante encontro de tática eleitoral no sábado passado, não lançar candidato ao Senado, rifando o atual senador José Pimentel e liberando o caminho para Eunício Oliveira.

Luizianne ainda recorreu ao diretório nacional do PT, interpondo recurso no qual reiterava a defesa da candidatura própria ao Senado pelo Ceará como uma maneira de fortalecer o palanque do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, oficializado hoje o nome petista na corrida à Presidência da República.

O recurso, porém, foi derrubado pela executiva do partido em reunião ontem à noite que também vetou a candidatura da vereadora Marília Arraes (PT) ao Governo de Pernambuco, um dos itens do pacto feito entre as cúpulas de PT e PSB na última quarta-feira, 1º.

Confira abaixo trecho de discurso de Camilo em que o governador pede voto à reeleição de Eunício: 

 

Recomendado para você

16 Comentários

  • Zé Pessoa disse:

    Eita Ceará!!!
    Tem muito futuro com essa cambada que não enxerga um palmo adiante do nariz, quando se trata dos interesses do estado e de seu povo.

  • Demóstenes Dantas Lélis disse:

    Camilo Santana perdeu um voto e o meu trabalho voluntário nessas eleições.

  • Priscila disse:

    Camilinho, vc não aprendeu com o golpe?

  • joaquim alex disse:

    Acorda povão!!!!!
    “Índio” tá enrolado até o pescoço no lamaçal da corrupção
    Tá na hora de fazer uma faxina.
    Não Reeleja politiqueiro corrupto.

  • Celso disse:

    Pra você vê como é política, o sujeito tem o Cid na chapa como candidato a senador e diz que o candidato dele a senador é o Eunício.

  • Tereza Pinheiro disse:

    Vamos mudar o Brasil, a arma todos sabemos o voto

  • Celso disse:

    Pra você vê como é política o sujeito é de uma chapa que tem o Cid Gomes como candidato a senador e agora afirma que Eunício é o seu candidato a senador.

  • Severino Cruz disse:

    Ainda bem que é dele, Camilo. Pois eu não voto num traíra desses.

  • Maia disse:

    Voto Camilo.

  • José Nilson disse:

    Não a reeleição! Precisamos de pessoas que mudem o país pra melhor, e não uma cambada de mafiosos que só querer cuidar dos seus próprios interesses.

  • wilson parente disse:

    espero que o povo lembre que estes caras que são candidato só pensam em se dar bem financeiramente ninguem pensa no povo, portando vamos votar todas as chapas tudo 0000000 nulo temos dar uma repostas a essas elementos.

  • Marcos Ribeiro Barros disse:

    Política e a ciência quê administra o homem
    Craque todo mundo quer no time

  • Cícero Dantas pereira disse:

    que vergonha para nós cearenses esse Camilo Ta de brincadeira

  • Francisca Albaniza Primo Celedonio disse:

    Camilo foi de uma coragem sem igual, deixou a bomba nas mãos dos eleitores, claro um homem que vem desafiando todos e com moral que tem a nível de Brasil, não poderia fazer outra coisa a não ser deixar nas mãos dos eleitores, foi esperto e claro nós temos o direito e o dever de votar naquela pessoa para o Senado que nunca esqueceu e nunca deixou o Ceará, na mão, tá na tua digital, escolha quem sempre esteve defendendo os direitos dos trabalhadores Cearenses, e que teve coragem de denunciar o Eduardo Cunha pela corrupção, então não resta dúvida, a escolha é nossa e vamos votar em quem merece nos representar no Senado Federal.

  • Milton Scariot disse:

    Triste fisiologismo da política nacional, onde o pt com seu hegemonismo doentio, vende a própria alma em nome do poder.

  • Izaildo Luna disse:

    É lamentável que os políticos deste país se comportem desta forma. Antes, inimigos imbatíveis. Agora todos amigos íntimos. Meu Deus, faz pena termos que conviver com a política do: “dá cá que te dou lá.”

\

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *