Política

Ailton bate no General e o compara a Moroni

1359 1

Ailton Lopes (Psol) segue sua estratégia de tentar se diferenciar dos adversários no debate da TV Jangadeiro. Ele contestou o diagnóstico apontado pelo General Theophilo (PSDB) como problema da segurança pública.

Candidatos no debate

Ailton, Hélio, General e o púlpito vazio. (Foto: Fabio Lima/O POVO)

O candidato do Psol defendeu que o problema não é falta de moral e falta de coragem. O caminho necessário, conforme aponta, é inteligência policial, promoção de direitos e garantia de cidadania.

Ele disse que o discurso sobre moral e coragem remete a ex-candidato a prefeito de Fortaleza que dizia que os criminosos teriam 24 horas para deixar Fortaleza. Fazia referência a Moroni Torgan (DEM), hoje vice-prefeito, embora o discurso em questão fosse do Coronel Gondim, candidato a governador em 2006.

Ao contestar o discurso sobre moral e coragem, Ailton fez crítica direta à fala do General Theophilo, instantes antes. Mas, o candidato do PSDB não vestiu a carapuça e parabenizou Ailton pelas colocações.

Recomendado para você

1 comentário

  • Clemente Teixeira Higino disse:

    Inteligência para fazer o que? todo mundo sabe quem são os bandidos malfeitores, porém, não se pode fazer nada com eles devido as leis vigentes nesse país, somente se for pego em flagrante delito, daí o General está certo tem que ter coragem para enfrenta-los no combate direto. outra coisa, o candidato do PSOL, falou em cidadania, bandido não é cidadão, ele perdeu a cidadania no momento em que entrou para o crime, de que lado você está? do lado do cidadão ou do bandido? Cidadão é quem cumpre seus deveres patriotas, pagam impostos e participam de eleições, bandido é bandido.

\

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *