Política

Bolsonaro é o mais agressivo no Facebook revela pesquisa; Alckmin no Twitter

Alckmim e Bolsonaro

Alckmin e Bolsonaro em debate da RedeTV! (Foto: Nelson Almeida / AFP)

Essa campanha para a Presidência da República tem sido de enfrentamentos entre os candidatos. Com intuito de ganhar votos dos adversários em certas partes do eleitorado, candidatos têm usado as redes sociais para criticar os concorrentes. A BBC Brasil divulgou levantamento realizado pela Diretoria de Análise de Políticas Públicas (Dapp), da Fundação Getúlio Vargas (FGV), sobre postagens dos presidenciáveis em que críticas são feitas aos rivais de campanha e revelou que os mais agressivos são Geraldo Alckmin (PSDB) e Jair Bolsonaro (PSL).

Nas duas redes sociais pesquisadas – a partir do dia 18 de agosto -, Facebook e Twitter, é possível notar que a maioria das postagens dos candidatos contém alguma crítica aos concorrentes.

No Twitter, durante o último mês de agosto, o mais agressivo foi Alckmin. O tucano direcionou a “metralhadora giratória” à chapa do PT (agora encabeçada por Fernando Haddad) e Jair Bolsonaro.

Um dos mais atacados por tweets, Jair Bolsonaro deixa de ser alvo para ser o mais agressivo em postagens no Facebook. O Dapp verificou que o atual líder das pesquisas de opinião criticou adversários em 72% das postagens. Na medida também estão inclusos críticas à figuras públicas e artistas, por exemplo.

De acordo com o levantamento, os mais atacados no aspecto geral são Haddad e Bolsonaro. Já Marina Silva (Rede) é a candidata menos atacada.

Conhecido por episódios passados de grande repercussão por criticar adversários políticos de forma contundente, Ciro Gomes (PDT) é um dos que menos ataca. No Facebook, de 27 postagens somente três são contra adversários.

Recomendado para você

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *