Política

“No Barzinho com Ciro”: evento no Facebook já conta com 10 mil engajamentos

8781 1

Ciro disse que “tomaria uma pra espalhar o sangue”  (Foto:Reprodução/Facebook)

Na noite do último domingo, 7, com as urnas apuradas, Ciro Gomes (PDT)  dirigiu um “ai dento” a adepto do candidato Jair Bolsonaro (PSL) e depois, quando perguntado sobre eventual apoio a Fernando Haddad (PT), disse que iria “tomar uma para espalhar o sangue” com companheiros de partido para só depois anunciar qual será seu comportamento no segundo turno.

As falas do pedetista não demoraram a viralizar.  Em Fortaleza, a mais nova repercussão do momento é um evento criado no Facebook, “No Barzinho com Ciro”.  Segundo a descrição do evento, o intuito é “tentar esquecer por alguns minutos o momento que estamos vivendo em nosso país e comemorar essa data”.

O encontro está marcado para dia 6 de novembro, quando o ex-governador do Ceará completa 60 anos.  Entre 2,6 mil confirmações de presenças e 7,9 mil usuários interessados, já são mais de 10 mil engajamentos até o fechamento desta matéria.

LEIA TAMBÉM: Fernando Haddad precisa vir ao Ceará buscar Ciro; e para ontem

Em conversa com o Blog Política, uma das organizadoras, a jornalista gaúcha Carol Corso diz que ela e a melhor amiga, Isadora Diehl, decidiram criar o evento porque acreditam no programa do cearense para o País.  Ele se diz surpresa com a adesão das pessoas à ideia.

“Impulsionamos o evento, mas nada demais. Entretanto, penso que o carisma do Ciro e o pessoal engajado é que também fez esse evento ter essa adesão toda”, avalia Carol.

Ela acreditava na presença do pedetista na segunda etapa do pleito presidencial. Disse, entretanto, que “essas eleições estão pautadas por muito ódio e extremismo, então o cenário não colaborou”.

Moradora de Vacaria, no interior do Rio Grande do Sul – aproximados 230 quilômetros de Porto Alegre – ela prometeu que se Ciro confirmar presença no evento, virá à Praia de Iracema. “Que o preço das passagens colaborem”, brincou.

A assessoria de Ciro foi contatada pela reportagem e afirmou que ainda não tinha conhecimento da iniciativa. Devido ao estresse proporcionado pelo primeiro turno, disse que analisará momento oportuno para apresentar ou não o evento ao ex-ministro.

 

 

 

 

Recomendado para você

1 comentário

\

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

14 + 13 =