Política

Fortaleza terá ato contra ditadura em alusão ao assassinato de Herzog

2683 1
O deputado estadual Renato Roseno (Foto: Divulgação/AL-CE)

O deputado estadual Renato Roseno divulga ato por Herzog (Foto: Divulgação/AL-CE)

Em alusão ao dia que marca o assassinato do jornalista Vladimir Herzog, torturado e morto pela ditadura militar em 25 de outubro de 1975, o mandato do deputado estadual Renato Roseno (Psol) divulgou nesta quinta-feira, 25, ato político intrapartidário em defesa da democracia e contra a tortura e discursos pró-ditadura.

Batizado “Ditadura Nunca Mais”, o evento está marcado para as 18h e tem concentração na Praça da Gentilândia, no Benfica. “Neste momento em que o fascismo nos ameaça, diremos que não esqueceremos nem de Vlado nem de Marielle, nem de Frei Tito nem de Moa, nem de nenhuma mulher ou homem que tenha enfrentado as forças do autoritarismo”, diz Roseno.

“Vamos todos e todas à Praça da Gentilândia dizer que lutaremos sempre. Vamos dizer que estamos com Haddad e que vamos virar o jogo pela democracia”, conclui. Desde o início do mandato, em 2015, Roseno integra a oposição a Camilo Santana (PT) na Assembleia. O deputado também fez oposição aos governos Dilma Rousseff (PT) e Michel Temer (MDB).

Além do mandato do Psol, diversos partidos políticos e entidades ligadas a movimentos sociais participam do evento. No ato, será promovida ainda ação contra agressões registradas nas últimas semanas contra profissionais de imprensa.

Recomendado para você

1 comentário

  • Epifânio Colares disse:

    Contra as DITADURAS FASCISTAS CUBANA, VENEZUELANA, BOLIVIANA, NORTE COREANA, CHINESA E RUSSA? E os MILITARES ASSASSINADOS pelos MARXISTAS, serão ESQUECIDOS?

\

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *