Política

Deputado propõe a si mesmo para assumir Secretaria de Desesquerdização

1067 5

O deputado federal cearense Heitor Freire (PSL) não apenas propôs a criação da Secretaria Especial de Desesquerdização da Administração Pública Federal. Ele também sugeriu quem pode assumir o posto: ele próprio.

Em seu projeto de indicação, Heitor escreve: “Nesta oportunidade, este soldado se coloca ainda a vossa disposição para assumir tal empreitada, colocando inclusive meu mandato eletivo à disposição do vosso chamado, se preciso for”.

Heitor Freire propôs o órgão e diz que topa assumir

Na justificativa para criar o órgão, Heitor descreve: “Como é público e notório, o nosso país foi palco de assaltos ao longo de mais de duas décadas de governos esquerdistas, especialmente pelo ‘Partido dos Trabalhadores’. Observamos o aparelhamento gradual do Estado realizado por militantes de esquerda e seus sindicalistas. Os danos causados ao Brasil foram imensuráveis, tendo como consequência o rombo escancarado dos cofres públicos para o seu autofinanciamento, jogando o país no caos em todas as áreas, desde a econômica até a nossa juventude, envenenada pelo comunismo e pela famigerada ideologia de gênero’”.

Ele salienta que “nossa vitória” – no caso, dele e de Jair Bolsonaro (PSL) não foi suficiente para “expurgar de forma imediata” as pessoas de esquerda do Governo Federal. “São frequentes as denúncias de todo o país que nos chegam sobre os ‘técnicos’ que mudaram seu discurso, seja para manter de seus cargos na administração pública, seja para pleitear nomeações, objetivando, de maneira camuflada, boicotar o governo por dentro”.

Função

O papel da Secretaria da Desesquerdização seria, então: “Realizar um amplo controle, fiscalização, identificação, mapeamento, monitoramento, com consequente sugestão de exoneração por decisão do presidente da República, de todo aquele agente de esquerda que atue de forma oculta e que continue trazendo danos diretos e indiretos para a sanidade desta nação”.

Para mim é novidade deputado apresentar projeto de indicação propondo criar um órgão e sugerir a si próprio para ocupá-lo.

Embora, sem dúvida, Heitor e o órgão proposto sejam bastante adequados um ao outro.

Recomendado para você

5 Comentários

  • José William disse:

    Quanta imaturidade deste neo deputado. Quer implantar uma caça as bruxas tal qual o regime nazista de Hitler perseguiu os judeus. Para que tanto ódio, o governo que aí está deve governar para todas as ideologias, sejam de esquerda, centro ou direita, podendo aparecer até outras. Ele chegou agora ao parlamento e acha que é a cereja do bolo e que com estas idéias surreais aumenta sua visibilidade na mídia. A questão não é perseguir pessoas e sim mudar as regras do funcionamento da máquina pública, tal qual por exemplo acabar com a inserção de apadrinhados no serviço público, estabelecendo somente o exclusivo ingresso por concurso público e os cargos de gestão destinados exclusivamente a estes agentes públicos, dentro de uma ascensão funcional que levasse em consideração o mérito e não a força do padrinho político.

  • rangel brasil disse:

    Já que deputado a OCIOSIDADE é grande, eles podem acumular varias FUNÇÕES iguais.

  • É notório essa necessidade Política no País, até porque, ainda, encontra-se uma boa gama de Bactéria Política contaminando à boa Sanidade do nosso País, apesar das mais dignas Vitórias no Pleito Passado temos que criar um Órgão Constitucional com Poder Eliminatório dessas Pragas Inssnas.

    Tenho dito.

  • Francisco Wilson Ferreira da Silva disse:

    Canalha. Não sabe nem o que é ESQUERDA. É o mesmo dePUTAdo que quer instituir o dia nacional do terço dos homens… (não sabe o que é é ESTADO LAICO). O que dizem os seus ELEITORES (sic)???

  • Certíssimo. Tem que exonerar os inimigos do povo. A esquerda tem como bandeira o pobre, porque assim ela o quer sempre pobre. Tem esquerdopatas em todos os lugares, até mesmo no jornal 0p0v0, possivelmente alguns ávidos consumidores de drogas ilícitas, financiando o crime.

\

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

4 × quatro =