Política

Moro e Bolsonaro vão a estádio e vestem camisa do Flamengo

 

Foto: Dida Sampaio/Estadão

Em meio ao desgaste causado pelos diálogos revelados por The Intercept, o presidente Jair Bolsonaro e o ministro da Justiça Sergio Moro assistiram ao jogo entre Flamengo e CSA, na noite desta quarta-feira, em Brasília.

No estádio Mané Garrincha, Bolsonaro e Moro vestiram camisas do time rubro-negro. O ministro da Economia, Paulo Guedes, também acompanhava a comitiva.

Ao fim do jogo, o ex-juiz escreveu no Twitter: “O CSA que me perdoe, hoje foi dia do Flamengo. Mas compensamos em outra data”.

Novo trecho de conversa entre Moro e Dallagnol cita ministro do Supremo

Minutos antes da postagem, o Intercept havia divulgado a íntegra das conversas entre Moro e Dallagnol.

Nela fica evidente que o ex-juiz colaborou com a Lava Jato e orientou procuradores, defende o site.

Moro nega que as conversas mostrem que ele cometeu ilegalidades.

Nesta quarta-feira, o ministro chegou a sugerir a senadores que as falas atribuídas a ele poderiam ter sido forjadas por hackers, que invadiram seu celular e o de autoridades da força-tarefa de Curitiba.

Bolsonaro ainda não comentou o assunto. Questionado sobre as suspeitas, ele encerrou uma entrevista coletiva sem responder.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *