Política

Sarto questiona operação da PF próxima da eleição: “No mínimo estranho”

O candidato do PDT à Prefeitura de Fortaleza, José Sarto, também questionou deflagração de operação da Polícia Federal mirando a gestão municipal nesta terça-feira, 3. Segundo o pedetista, intervalo de 25 dias entre a determinação do pedido de busca e apreensão e a execução do mandato, nesta terça-feira, é “no mínimo estranho”.

“A 12 dias da eleição, a CGU resolve atender a um pedido que foi feito 9 de outubro. São 25 dias exatos, quase um mês, para se deliberar sobre o pedido. No mínimo estranho, mas tenho certeza que ao final a verdade sempre prevalece”, disse, durante evento com empresários da avenida José Avelino na noite desta terça-feira.

Recomendado para você

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *