Respirando Música

Os grandes discos de 2015 (Outubro)

Reta final da nossa retrospectiva, os últimos meses costumam ser os menos movimentados nos lançamentos, mas ainda deu tempo sair bons trabalhos.
Vamos a eles!

1 – Elza Soares – A Mulher do Fim do Mundo

Data de Lançamento: 03 de outubro

Um ícone do nosso país e da nossa cultura, sem ter que provar absolutamente mais nada a ninguém, Elza Soares, ao longo dos 78 anos, lançou o excelente “A Mulher do Fim do Mundo”. Na humilde opinião dessa coluna, o melhor disco lançado no Brasil em 2015.
O disco, que começa com o vozeirão de Elza, cantando a capela, passeia pelo samba rock, rock, samba e mostra o melhor da MPB contemporânea, com um peso a mais no som, resultado de uma excelente banda e uma produção impecável. Com vitalidade sobrando para sair em turnês, a interminável Elza já está circulando com o novo show. Disco obrigatório na coleção. Vida longa para a nossa Dama da música.

2 – Puscifer – Money Shot

Data de Lançamento: 30 de outubro

Tudo que envolve Maynard James Keenan é imprevisível, enquanto Tool e A Perfect Circle não lançam nada novo, o Puscifer mostra o seu novo trabalho. O terceiro disco de estúdio da banda traz os mesmos elementos dos discos anteriores, as letras e sonoridades, digamos exóticas, mas ainda com a essência do rock alternativo, com várias pitadas eletrônicas que fizeram de mais esse projeto de Keenan, um dos nomes respeitados perante crítica e público.
James Maynard Keenan prova que continua acertando a mão.

Recomendado para você

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *