Ancoradouro

"Beijinho no ombro"? "Beijar os pés" foi o ensinamento do Mestre

176 1

“Beijinho no Ombro” é o nome de uma música de Valesca Popozuda, funkeira que nos shows rebola até o chão, tem um amplo vocabulário de palavrões e recentemente foi alçada ao posto de “grande pensadora” contemporânea por um professor de Brasília.

Papa Francisco no rito do Lava-pés

Papa Francisco no rito do Lava-pés

A música se tornou um sucesso e os ditados nela contidos rapidamente se espalharam na grande massa. É muito comum ouvir de artistas, modelos e apresentadores de tv a expressão na tentativa de parecerem legais, pessoas do povão.

Na mesma música e em outras  Valesca fala muito de deus. Mas que deus é esse? É o deus da vingança. Uma entidade que concede vida longa aos inimigos para que estes vejam sua vitória. É o deus personificação de si mesmo, ou ainda,personificação daquilo que há de pior no ser humano.

O teólogo e blogueiro Yago Martins chegou a comparar essa mentalidade exposta na música de Popozuda com um dos mais conhecidos hinos protestantes da atualidade, a música “sabor de mel”.  Segundo o autor, há uma linha teológica protestante que exalta a figura do deus vingador em estreita semelhança com o conteúdo presente neste tipo de música da funkeira.

No entanto, fica o alerta para os cristãos. Cristo deixou o ensinamento em sua última ceia. Amarrando a toalha à cintura, abaixou-se, lavou os pés de seus discípulos e os beijou, narra o  evangelista João. Em outro trecho ,Jesus ensina que devemos amar nossos inimigos e rezar por aqueles que nos perseguem.

O ensinamento do mestre é beijar os pés uns dos outros; aos pagãos, no ápice de sua altivez,que beijem o ombro rejeitem o amor. Pena que agindo deste modo só promovem a cultura do egoísmo.