Futebol do Povo

Ceará: caso o clube avance na Copa do Brasil, CBF vai ganhar um problema enorme. Entenda a bizarrice

72 35

torcida_ceara

Nesta quarta-feira o Ceará recebe o América-MG no PV, jogo da volta da segunda fase da Copa do Brasil. O time alvinegro precisa de um empate sem gols ou de qualquer vitória para avançar para a terceira fase e enfrentar o Tupi-MG.

Quem vai acompanhar o jogo de perto, preocupada, certamente é a CBF. A entidade sabe que o Ceará já tem vaga assegurada na Copa Sul-Americana em função de ter sido campeão da Copa do Nordeste. A previsão clara é do artigo 4o. do Capítulo II do Regulamento Específico da competição. Não há como essa situação ser mudada.

O grande problema para a CBF vai aparecer caso o Ceará chegue até a quarta fase da Copa do Brasil. Não há nada em regulamento algum que indique que o alvinegro tenha que fazer uma escolha entre uma competição ou outra. No atual formato, portanto, o Ceará tem que participar dos dois torneios, sem abrir mão de nada.

Assim, para impedir que o alvinegro jogue a quarta fase da competição nacional a única forma seria a CBF excluir o time do torneio. A situação que se apresenta é surreal. O Ceará, que até dias atrás achava que tinha que escolher algum dos torneios, já avisou que vai entrar com força máxima e espera conseguir avançar de fase na Copa do Brasil. E sua diretoria também não vai fazer qualquer consulta sobre o assunto na CBF. O clube quer disputar as duas competições porque há cotas importantes e prestígio. Agora, conseguindo a vaga, como a entidade então fará a tal exclusão do Ceará da Copa do Brasil, se é que vai ter coragem de fazer algo assim? Uma portaria usando algum artigo duvidoso do regulamento tirando da competição uma equipe que venceu em campo e que não é obrigada a desistir de torneio algum? Ou vai tirar do Ceará a vaga na Sul-Americana mudando o regulamento depois da competição encerrada? E quem vai herdar a vaga?

É relevante lembrar que os times da Série A que avançarem para a quarta fase da Copa do Brasil abrem mão da vaga na Sul-Americana. Há essa previsão no regulamento da primeira divisão, mas não há previsão alguma no caso do Ceará, vencedor da Copa do Nordeste, detentor de uma vaga na Sul-Americana e participante da Série B.

Por omissão, a CBF pode ter arranjado um problema grande caso o Ceará passe de fase na Copa do Brasil, até porque as duas competições são disputadas nas mesmas datas. A única forma de se livrar do problema é o Ceará ser eliminado da Copa do Brasil.

Para o ano que vem a entidade máxima do futebol brasileiro já sabe: terá que incluir no regulamento da Copa do Nordeste que o campeão, caso chegue até a quarta fase da Copa do Brasil, não poderá disputar a Sul-Americana e que a vaga deverá ser preenchida pelo vice da Copa do Nordeste e assim por diante. Mais simples, impossível. Só não pode esquecer, como fez neste ano.

Recomendado para você