Futebol do Povo

Ceará: os cinco novos atacantes, juntos, têm menos gols do que Assisinho

432 19

 

Após a saída de Magno Alveviniciuss para o Fluminense; de William e Marcos Aurélio, dispensados e da contusão de Assisinho, a diretoria do Ceará partiu para a contratação de atacantes.

Cinco jogadores ofensivos chegaram ao clube, mas todos vivem má fase em 2015. Somando os gols marcados neste ano por Rodrigo Silva, Siloé, Fabinho, Vinicius e Muller Fernandes o resultado (10 tentos) é inferior ao que marcou Assisinho (12 tentos), por exemplo.

Rodrigo Silva fez um gol pelo América-MG. Siloé marcou dois pelo Horizonte no estadual cearense. Vinicius fez um atuando pelo Capivariano. Muller Fernandes marcou seis pelo Santo André, na segunda divisão do estadual paulista e Fabinho não balançou as redes.

Os cinco atletas, ao lado de Robinho e Marinho, formam hoje a linha ofensiva do Ceará para a Série B.

Recomendado para você