Futebol do Povo

Os motivos que fizeram o técnico Marcelo Chamusca não sair do Fortaleza

5323 42

chamusca_decisao

Marcelo Chamusca falou a verdade quando disse que não conversou com o Náutico após a demissão de Lisca, mas o clube pernambucano fez sondagem ao empresário dele que, imediatamente, rechaçou qualquer chance de saída do Fortaleza.

Os motivos:

1. Marcelo Chamusca tem uma obsessão e não nega: subir com o Fortaleza para a Série B do Campeonato Brasileiro. O título estadual deste ano, conquistado no mata-mata diante do Ceará, não diminuiu o desejo, frustrado na eliminação para o Macaé;

2 – Faltando apenas cinco jogos para definir o acesso – três da primeira fase e mais dois decisivos – não faria qualquer sentido para o técnico deixar o tricolor neste momento;

3 – Independente de subir ou não, Chamusca sabe que seu nome já está no radar de muitas equipes da Série B e da Série A. São dois anos mostrando competência e um trabalho bom, de estudo, revelação de jogadores e responsabilidade;

4 – O técnico não gosta de interromper trabalhos. Ano passado o Remo ofereceu o dobro do que Chamusca ganhava para tirá-lo do Fortaleza. E foram várias consultas, como as do Ceará também, que conta com a admiração de vários diretores do clube. Há um compromisso do técnico com a diretoria do Fortaleza e, mais ainda, com especificamente esse grupo de jogadores. Não custa lembrar: quando Nedo Xavier foi demitido, atletas pediram para a diretoria a volta do atual treinador.

Em tempo: Gilmar Dal Pozzo foi confirmado como novo técnico do Náutico.

Recomendado para você