Blog do Leão

Fonte que não seca

776 6

 

O time sub-20 do Fortaleza que iniciou recentemente a disputa do campeonato cearense da categoria, já começa a encher os olhos do torcedor. Com 3 vitórias em 3 jogos, todos de goleada, o Leãozinho segue 100% na competição. As categorias de base do tricolor revelou, nos últimos anos, jogadores que até hoje ainda rendem lucro para o clube, que embolsa 5% dos valores de transferências dos atletas formados no Pici.

Existe a expectativa do time sub-18 disputar a Copa São Paulo de Juniores em janeiro. Nesta competição, o Fortaleza conseguiu algumas boas campanhas nos últimos anos, quando por duas vezes chegou a eliminar o Corinthians, bicho-papão do torneio.

Atualmente, no sub-20, destaca-se o atacante Canga, artilheiro do campeonato cearense. Pessoas que acompanham os jogos falam que o garoto tem a velocidade aliada à técnica, além de um forte cabeceio. Vamos anotar este nome.

6 Comentários

  • Fred disse:

    Seria muito bom que alguem olhasse com bons olhos para este trabalho que está sendo feito, e daí investisse nos valores deste time para 2012.

  • rafael da silva disse:

    PROPOSTA TENTADORA. Não é de um jogador. São de muitos. O clube aproveitaria esse intervalo e formaria a base do time para 2012 , como ? 1. A partir do que tem de juvenil, escolheria os mais potenciais; 2. Garimparia o complemento do jovem elenco com juvenis de outras praças, escolhidos a dedo; 3. A todos, ofereceria salário único de dois mil reais; 4. FESTIVAIS/FONTES. Aos sábados, promoveria amistosos com times das divisões inferiores locais e seleções do interior no Estádio do Pici com ingressos populares e outros atrativos para arrecadar dinheiro. É só acionar o Papa Silvio Carlos que ele bola como deve ser o “Sábado Alegre” do Pici, que, com a PERSPECTIVA de construção de um futuro próximo, com juvenis indo logo adquirindo experiência com status de titulares – naturalmente sabendo-se aquilatar bem os selecionados – a TORCIDA iria atender a esse chamamento de pronto. BOM MOMENTO. Este momento é de puro relaxamento porque o Fortaleza não está pressionado a participar de nenhuma competição oficial com obrigação de vencer. MELHOR, partir para essa idéia consequente e objetiva{não sei se exequivel, isto é com quem é do ramo} , do que adotar filosofia errônea de buscar títulos de sub deste ou daquele sem produção efetiva de bons valores. Obrigado. Espero que alguém diga no mínimo que essa proposta é totalmente descabida.

  • Jeova disse:

    A base do Fortaleza é muito forte. O Osmar Baquit permitiu que o Jurandir conjuminado com Ferdinando tentasse ceifar os jogadores da base para trazerem as pustemas deles para que alguém auferisse algum lucro talvéz os empresários dos jogadores forasteiros. O Osmar baquit deixou fossem desprezados o Rogério, Reginaldo Júnior, Bismarck, Eduardo, Vinícius, Leandro e o Guto. Só deram chances aos jovens da base quando os trapiras do Jurandir começaram a abandonar o o time do Fort6aleza. O que o Osmar baquit deixou o Ferdinando e Jurandir fazeremm com o jogadores da bse9PATRIMÕNIO TRICOLOR) foi crime de lesa o Fortaleza. Não deixem o Osmar Baquit senão ele vai adiar por mais um ano a nossa agonia. Foi Assim que aconteceu com o Renan Vieira. Deixaram o renan ficar e onde estamos hoje e não caimos para a série D por muito pouco. Pelo menos sou totalmente crente na vitória do Fortaleza amanhã no STJD. O Fortaleza não casa de caridade para recuperar o conceito do Osmar Baquit não. O Osmar Baquit teve tudo em suas mãos para ser o maior presidente do Fortaleza pois teve apoio total e irrestrito inclusive da torcida do Leão. Mas preferiu meter o pés pelas mão e deixou o Jurandir mandar nele próprio. O Jurandir avançou e quis mandar no presidente do conselho deliberativo. Ai ele e o predador jurandir plantaram esse discurso de vaidades que muito incautos absorvem vez que não conseguem questionar tal discurso diante do fatos reais e concretos. Vou dá um exemplo. O Conselho Deliberativo resolveu contrar e bancar o salário de salário de trinta e cinco mil reais do Carlinhos Bala dos seus próprios bolsos. Então o ferdinando disse naquele jogo em Maranguape pelA copa Fares Lopes que se o Carlisnho Bala com umentrasse no Pici ele sai pela primeira porta. Quando o Fortaleza perdeu para o América sob o comando do aposentado Ferdiando no outro no dia seguinte o PÉ DE ELEFANTE Osmar Baquit contratou o mesmo Carlinhos Bala por quarenta milk reais. Quem foi que errou: o pezão de elefante Osmar Baquit. O Paulo deu uma entrevista onde ele disse que o Jurandir teve discussões homéricas com o Mozar Martins e com o Adailton Campelo. Eleger o Osmar Baquit será um retrocesso pois niguém confia mais em aglutinar com posto que logo logo ele leva pro Pici um novo Jurandir Júnior.

  • antonio disse:

    Aposto como já tem dirigente de olho no garoto Canga. Mais para vende-lo e botar uma graninha no bolso, como fez o Renan Vieira.

  • João Ximenes disse:

    Categoria de base, é pra se trabalhar, ensinar, mostrar e vender. Não vão pela cabeça desses “expertes”, que dizem que a solução está na base. Está sim, no que diz respeito a parte financeira. BASE, o nome já diz tudo. São quatro setores no campo de jogo: GOL. ZAGA, MEIO, ATAQUE. Um, as vezes dois em um setor, – não em cada setor, é uma base -, mais dois, que também se destacam como opção no banco de reservas, é o suficiente. Colocar uma equipe inteira da base – e mais o banco de reservas -, sem a devida experiência, é arrisca em demasia. Um campeonato se ganha com mais experiência e menos juventude. Na minha humilde opinião, o Fortaleza está onde está, por ter apostado alto nisso a dois anos atrás. Quase, ou mais de cinquenta por cento das equipes eram cazeiras. Se foi predominante, se foi irresponsável, cabe aos dirigentes avaliarem. Com excessão desde ano pra esquecer(2011), – que a maioria era de fora -, ficamos, também parados, não saimos do lugar, mas nem por isso apostaria somente na base, como solução para ganharem campeonatos dificeis, que são esses que a equipe participa. Defendo o trabalho de BASE sempre. Mas defendo também que não deve se queimar em 90 minutos – e na maioria das vezes bam antes são substituidos(queimados) – um atleta, em uma partida de futebol. O atleta vai, porque realmente acredita que pode. Ele tá certo em acreditar. Mas como o futebol é coletivo, não depende somente dele o sucesso do trabalho, passa a ser muita responsabilidade, pra quem tá iniciando. O cara já entra na pressão. Uma andorinha só não faz verão. É hora de pensar na responsabilidade e no investimento que se faz a cada ano em um trabalho dificil, mas se bem feito, com responsabilidade e planejamento, sem dúvida alguma vai render frutos futuro, pois presente no futebol não se ganha, tem é que se ralar muito pra alcançar espaço nesta atividade tão concorrida, e que só tem vaga para os VENCEDORES.

  • Amaury disse:

    O time para 2012 deve ser formado com jogadores formados no clube como Rogério, Leandro, Guto, Régis, Renan,Vinicius, Reginaldo, Ronaldão acrescido dos garotos do sub-20 como Vanderson, Canga e outros. Manter Fábio Lima, Gilmack, Vavá, Bismarck, Márcio Gabriel, Júlio César (que não teve chance) e contratar no máximo cinco (dois laterais, dois zagueiros e um meia) mas estes escolhidos cuidadosamente. Utilizar melhor o Centro de Treinamento e não permitir presença de empresários no Pici.

\

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

15 − um =