Blog do Leão

Fortaleza 4×2 Salgueiro – Aperte o play!

297 37
Everton abriu o placar e deu início à vitória tricolor no Castelão

Everton abriu o placar e deu início à vitória tricolor no Castelão. Foto: Ciro Gomes (Confraria)

 

Caros tricolores, o jogo deste sábado no Castelão começou em alta rotação. O placar de 4×2, construído nos primeiros quarenta e cinco minutos, transpareceu que há ainda ímpeto e qualidade escondidos na preguiça dos empates e derrotas anteriores.

Porém, na hora que apertaram o play e a música da vitória começou a tocar, apareceram uns ruídos paralelos que não atrapalharam a dança, mas adentraram nos ouvidos dos mais exigentes. O pênalti meio maroto marcado pelo árbitro nem tanto, mas o gol de cabeça sofrido numa cobrança de escanteio em que o adversário entrou dançando e assoviando na nossa área, foi uma interferência acústica que machucou os tímpanos de quem curtia a sinfonia dos belos gols de Everton e Maranhão, além do gol contra marcado pela zaga salgueirense após mais uma cobrança ensaiada, mortal e rasteira de escanteio.

Menos mal que Auremir também quis entrar na dança e marcou seu golaço dando um stop na reação pernambucana.

Veio o intervalo, e então apertaram o pause. A sensação de relaxamento voltou a dominar o ambiente e o ritmo lento imperou até o fim do jogo. O Leão fecha a rodada na liderança, a não ser que o Vila Nova vença em Natal por diferença de dois gols.

Enquanto não chega a segunda fase…

Toca a música, DJ !!

[youtube]https://www.youtube.com/watch?v=5-rx33sR1YY[/youtube]

Fortaleza-CE 4 x 2 Salgueiro-PE
Árbitro: Thiago de Alencar Gonzaga – MS
Assistentes: Ruy Cesar Lavarda Ferreira – MS e Felipe Souza Leal – MG
Cartões Amarelos:
Fortaleza-CE: Lúcio Maranhão
Salgueiro-PE: Marcos Tamandaré, Rogério, Moreilândia

Gols: Fortaleza-CE: Everton 11′ 1T, Anderson Lessa 27′ 1T (contra), Maranhão 34′ 1T, Auremir 43′ 1T
Salgueiro-PE: Rogério 36′ 1T, Rogério 40′ 1T

Fortaleza-CE
Ricardo Berna,
Tinga, Lima, Adalberto e Thalysson (Radar);
Corrêa, Auremir, Maranhão (Romarinho) e Daniel Sobralense;
Lúcio Maranhão e Everton (Tiago Azulão)
Técnico: Marcelo Chamusca

Salgueiro-PE
Luciano;
Marcos Tamandaré (Fagner), Ranieri, Rogério e Daniel;

Rodolfo Potiguar, Moreilândia, Anderson Paraíba (Piauí) e Paulinho Mossoró (Toty); Anderson Lessa e Cássio

Técnico: Sérgio China

Público: 9.791
Renda:  R$ 125.303,00