Blog do Leão

ASA 1×1 Fortaleza – Os desembalos de sábado à noite

507 18

 

 

Lúcio do Gol marca de pênalti e salva o Leão da derrota em Arapiraca. Foto Ailton Cruz/ Gazeta de Alagoas

 

Caros tricolores, que jogo fraco a gente teve que acompanhar na noite do sabadão.
O primeiro tempo foi pra lá de lamentável. Um time totalmente sem inspiração que se deixou dominar por um adversário tecnicamente limitado. Tomamos um gol numa cobrança de escanteio e o Boeck salvou pelo menos mais duas possibilidades evidentes de gol do time da terra do fumo.

E por falar em fumo, a gente merecia ter ido pro intervalo pelo menos com uns três na sacola. A esperança no segundo tempo era o meio campo se inspirar e municiar os atacantes Paulo Sério e Lúcio do Gol que morriam por inanição lá na frente.

O gramado do Fumeirão é um obstáculo gigantesco para um bom rendimento dos meiocampistas com características de toque de bola, reconheço. Porém, não se pode esmorecer e não encontrar outros recursos para superar tal adversidade. O Adenilson, por exemplo, lembro da participação dele na hora da execução do hino, e nada mais.

A sorte é que o juizão marcou o penal sofrido por Ligger e o Lúcio do Gol mandou pra dentro. Esperar sair o gol de empate numa jogada trabalhada era complicado.

E pra completar a noite, o bandeira ainda marca um impedimento inexistente num lance em que o Hiago sairia na cara do gol. O time não se ajuda, e os outros ainda atrapalham. Aí acaba de ferrar o fim de sábado.

Agora analisando friamente os números, o resultado não foi tão lamentável quanto o futebol. Mesmo na zona de rebaixamento, o ASA só perdeu uma partida em casa, Portanto, esse pontinho foi matematicamente lucrativo para as pretensões tricolores na tabela de classificação.

Segue o jogo.

Simbora, Leão!