Blog do Leão

Náutico 1×3 Fortaleza – É você, 2018 ?

1547 14

Atacante Junior Santos marcou dois gols na vitória tricolor nos Aflitos. Foto: Bobby Fabisak/JC Online

 

Caros tricolores, começamos 2019 no saboroso ritmo da vitória. A primeira partida do ano nos mostrou um Fortaleza com característica diferentes do que nos acostumamos a ver, é verdade. Mas não menos eficaz.

Com mudanças na formação e com um tempo de preparação inferior a duas semanas, Rogério montou o quebra-cabeças pensando em diminuir o desequilíbrio físico entre as duas equipes, afinal o time timbu já treina há dois meses.

O bom rendimento individual contribuiu para o sucesso. Destaque para as atuações de Paulo Roberto e Junior Santos. O gol logo no começo do jogo parece ter desestruturado os pernambucanos, e as investidas ao gol de Boeck foram poucas, mas o suficiente pra perceber que nosso ponto fraco é a zaga. Menos mal que o presidente já garantiu que chegam mais zagueiros ainda em janeiro.

A falta de ritmo não nos permite avaliar minuciosamente alguns jogadores, e seria injusto criticar por uma atuação que porventura deixasse, ou deixou, a desejar. Felipe, Edinho, Bruno Melo e Tinga jogam mais que o apresentado no gramado dos Aflitos. A próxima partida é somente dia 27 contra o CSA, no Castelão. Até lá teremos mais um tempinho pra ajustar os ponteiros.

E assim começamos 2019. Não dá pra avaliar muita coisa ainda, mas o primeiro passo sempre precisa ser dado. E este foi com o pé direito.

 

Arrocha, Leão!

 

 

 

Náutico 1×3 Fortaleza

Local: Aflitos (Recife/PE)

Árbitro: Ricarle Gustavo Gonçalves Batista (BA). Assistentes: Jucimar dos Santos Dias e Edevan de Oliveira Pereira (ambos da BA).

Gols: Júnior Santos (aos 1 do 1ºT e 29 do 2ºT) e Ederson (aos 35 do 2ºT)
Cartões amarelos: Marlon, Paulo Roberto, Felipe, Ederson (F)
Cartão vermelho: Josa (N)

Renda: R$ 181.953,00
Público: 10.678 torcedores

Náutico
Luiz Carlos; Hereda, Sueliton, Camutanga e Assis; Josa, Luiz Henrique (Lucas Paraíba) e Jorge Henrique (Rafael Assis);
Thiago, Fábio Matos (Jiménez) e Wallace Pernambucano. Técnico: Márcio Goiano

Fortaleza
Boeck; Tinga, Roger Carvalho, Patrick(Derley) e Bruno Melo; Felipe, Paulo Roberto, Marlon (Edinho) e Júnior Santos (Matheus); Romarinho e Ederson. Técnico: Rogério Ceni