Blog do Leão

Fortaleza 0x1 Internacional – E agora, José?

1108 29

 

Leão perde gols no 1o tempo e Inter vence na Arena

 

 

Caros tricolores, mais uma vez voltamos a cometer os mesmos erros e a sentir as mesmas deficiências e carências expostas num passado recente.

O torcedor viu mais uma vez o time desperdiçar chances claras de selar o destino do jogo ainda no primeiro tempo. Viu também o adversário crescer no segundo tempo escorado na nossa incapacidade de manter o mesmo ritmo por toda a partida. E claro, sentimos na pele a falta de material humano no nosso setor defensivo. Somente três zagueiros no elenco é correr um risco altíssimo na Série A.

Edinho e Romarinho foram agudos e perigosos enquato tinham gás para fazê-lo. A intensidade quando não se transforma em gol torna-se infrutífera à medida que o tempo vai passando e o preparo físico vai na contramão da ansiedade do gol que teima em não sair.

Zé Ricardo já deve ter percebido nesta curta semana de trabalho o que lhe falta. Tem agora que chamar a diretoria pra uma conversa ao pé do ouvido, senão as cobranças logo irão cair sobre seus ombros.

Próxima rodada enfrentaremos o Santos fora de casa. Parada dura. Mas é aquele jogo em que “o que vier é lucro”. Decisões diretivas serão decisivas nesta semana.

Simbora, Leão!

 

 

29 Comentários

  • Sérgio Filho disse:

    Nosso time está se caracterizando como uma equipe de um só tempo. Quando joga bem o primeiro tempo, joga mal o segundo. Quando joga mal o primeiro tempo, joga bem o segundo. Uma coisa é atuar assim contra Avaí, CSA e Chapecoense, outra coisa é manter este padrão contra equipes bem mais qualificadas. A questão é que nossos finalizadores estão furos abaixo da qualidade dos finalizadores dos times ditos grandes, onde enquanto eles precisam de apenas uma ou duas chances para matar o jogo, nós criamos umas 4 ou 5 pra sair um gol chorado, e é quando sai.

    Muitas pessoas falam que nosso elenco é limitado e fraco tecnicamente, o que concordo. No entanto, pra mim, além de ser ruim, é extremamente mal montado. Em alguns setores, temos jogadores de sobra que só fazem inchar a folha, pois nem no banco de reservas vão. Já em outras partes, temos jogadores abaixo da QUANTIDADE mínima necessária.

    Exemplos são claros. Nos volantes, temos oito (8) jogadores (Felipe, Juninho, Araruna, Derley, Paulo Roberto, Nenê Bonilha, Gabriel Dias e Santiago Romero, onde esse último nem no banco vai). Na zaga, onde o mínimo é quatro (4) e o ideal é cinco (5), temos apenas três (3), onde um deles não serve nem para jogar na várzea (Natan), o outro é jogador de Série C (Roger Carvalho), e o outro é apenas esforçado e raçudo, e a torcida acaba achando que é um Boateng da Seleção Alemã, pelo simples fato de ser gringo (Quintero), pois se você prestar atenção no jogo dele, vai ver que ele também não é confiável e não tem qualidade com a bola no pé. Quando o Roger Carvalho se lesionou, o treinador, que teve 2 ou 3 dias de trabalho, preferiu improvisar um volante na zaga (Derley, que jogando na real posição já é fraco), deixando o zagueiro de ofício, no banco. Isso diz muita coisa em relação à qualidade dos nossos zagueiros, ou melhor, pseudos zagueiros.

    Isso sem contar nas duas laterais, onde na direita só temos um (Tinga), que é sofrível e não tem substituto; enquanto na esquerda temos dois (2) fraquíssimos, pois o titular (Carlinhos) deixa um buraco enorme na marcação, e o reserva (Bruno Melo) deveria ter sido dispensado na Série B. Na lateral direita, ocorre algo semelhante ao caso em que citei dos zagueiros, pois o titular na direita é um volante (Gabriel Dias), e o lateral de origem, é banco.

    Outro ponto bem escroto é não termos meias de ligação. O argentino, pelo menos até agora, não mostrou nada além de vontade e disposição. Mais um absurdo é termos somente um meia no elenco, e esse ainda é uma incógnita, pois chegou faz pouco tempo e ninguém sabe o que ele vai/poderá render.

    Resumindo, amigos, nosso elenco é fraco, não temos plantel, e a diretoria piruliteira dormiu no ponto e não qualificou nossa equipe. Desde janeiro é notória a necessidade de zagueiros, só enrolaram e quando trouxeram, contrataram um que nem na Fares Lopes vai conseguir jogar (Natan). Desde janeiro se viu, também, que o time não tem laterais e meias, e o que fizeram? renovaram o contrato das nulidades Tinga e Bruno Melo por mais dois (2) anos, e foram aos microfones com esta frase célebre: “no momento, não estamos procurando meias, pois entendemos que não é prioridade.” Lamentável e inoperante. Pior de tudo é que se alguém for criticá-los, ficam cheios de razão e com arrogância, se escondendo atrás dos títulos ganhos meses atrás. Pelo visto, essas desculpas fajutas irão até o fim do ano, e se formos rebaixados, se preparem, pois vão usar isso como muleta mais do que nunca.

    Próximo jogo é apenas contra o líder do campeonato, que tem toque de bola envolvente e muita velocidade pelas pontas. Quando os jogadores do Santos pegarem essa linha de defesa lenta e frágil como a nossa, tenho é pena de nós.

    Eita, amigos. É torcer pra os que estão atrás também perderem, pois depender das nossas próprias forças está mais do que complicado.

    Saudações Vermelhas, Azuis e Brancas !!!

  • Carlos Cavalcante disse:

    Bom vamos lá algumas percepções que estão na cara do torcedor tricolor desde o início da competição, mas a diretoria não se move.
    – Quando vejo uma defesa formada, com tinga, quintero, roger e bruno melo, já vejo que boa coisa não vamos conseguir. Essa é uma defesa de série B (e olhe lá, pois estou sendo generoso);
    – Temos Juninho, Felipe e entrando o Bonilha (que entrou no lugar do esforçado argentino, ele é só esforçado mesmo). Minha gente esse meio aí parece japonês, todos com a mesma característica, ou seja, não marca, não arma, não dão proteção a já fraquíssima defesa.
    – Temos WP9 que é um Neto Baiano com grife, um Edinho e Romarinho que atualmente são jogam um tempo e, quando o Zé vai substituir, coloca o Osvaldo que, imaginava que tinha condições de jogar uns 15 minutos, mas nem isso consegue.

    Enfim, diante disso e com esse elenco atual, só iremos conseguir bater de frente contra CSA, Avaí, Chapecoense e Goiás. Os outros estão bem acima de nós ou só acima, como o nosso rival.

    Marcelo Paz e a diretoria estão deixando passar uma oportunidade (diria até que fácil) de montar um time que permaneça na série A e consiga até uma vaga na sul americana.

    Não adianta o estagiário ir nas redes sociais pedir que a torcida compareça aos jogos e faça sócio se a diretoria parar de pensar, pensar e pensar em quem se encaixa para trazer. Ora vcs trouxeram as bombas do Kieza e Nathan. Dispensem uns 6 desse elenco e tragam pelo menos 3 para fazer a diferença.

    ST.

  • Chicão disse:

    Se a torcida enxerga que o elenco é fraco e limitado certamente a diretoria também!!Presidente contrata ou cai?!Qual das duas opções você escolhe????

  • Helio disse:

    OS VACILOS DO JOSÉ

    O Fortaleza foi patrão da bola no 1º tempo, mas não teve competência para fazer gol. O time cansou, principalmente o Romarinho, que deveria ter sido substituído pelo Oswaldo logo no começo do 2º tempo. Aí é quem vem o vacilo do Sé Ricardo: Se opção era fazer gol, como colocar em campo Bonilha? O cara é volante e não muito pegador e não sabe fazer gol nem atacar.. Resultado: o time perdeu força no ataque e não ganhou consistência defensiva. Tomou um gol no 2º tempo. Previsível. Se era para segurar o 0 x 0 a opção não seria Bonilha, mas Derlei. Mas, vamos pra frente. Leão toda vida!!!!!!!!

  • João Ximenes disse:

    Jogo quente do LEÃO de Aço no primeiro tempo, onde poderia até ter matado o jogo, MAS, mais uma vez, APARECEU um goleiro a sua frente. Contei pelo menos umas 4 chances claras de gol(aquele chute do Vasquez foi impressionante)
    # por falar em VASQUEZ, esse vai ter de melhorar muito pra garantir vaga na meia. Ou ele é travado mesmo ou tá mal fisicamente. Olho nele ou trazer outro pra ele.

    Considerando o primeiro tempo, LEÃO de Aço já mostrou DIFERENÇAS claras na sua POSTURA dentro do jogo:
    1. Participação do goleiro nos recuos de bola caiu de 100 pra 10, até mesmo quando ele(Felipe Alves) segurava demais a bola. Agora, bola vai no rumo dele, ele já olha, toca, ou despacha pra longe, ao invés de tá tentando driblar(umas 5, no máximo 8 vezes no jogo todo, ele participou do jogo com os pés). VIVA !;
    2. Correria dos atacantes(3) só na necessidade extrema. Antes corriam até a área defensiva sem a bola. Hoje vão até o meio e esperam uma segunda bola pra contra-atacar mais perto do gol adversário;
    3. Sem a bola, fica sempre 1 ou 2 jogadores dentro do circulo central. Antes posicionavam-se na intermediária defensiva – atrás da linha da bola – trazendo o adversário pra cima com toda força. E quando retomavam a jogada, corriam feito malucos 50, 60 metros pra chegar ao gol adversário.

    O que aconteceu nesse jogo é que no primeiro tempo a defesa do Inter, não vendo um monte de atacantes(4), não sabia qual lado marcar: ROMARINHO, EDINHO. Ambos deitaram e rolaram.
    Já no segundo, o treinador do Inter, que não é bobo, PERCEBEU que mesmo LEÃO de Aço jogando só com 2 velocista na frente, as jogadas ainda estavam concentradas nos dois e fechou o corredor. Romarinho e Edinho receberam marcação serrada e consequentemente LEÃO de Aço caiu de produção. Esse é um detalhe que ZÉ RICARDO vai ter de achar alternativas pois é uma situação já COPIADA pelas outras equipes e que ficou ENBRENHADA no DNA da equipe. + 1ma, 2as rodadas a frente pra se obter sucesso na mudança tática.
    ## Próximo jogo já é fora contra o LÍDER Santos, não vai ser moleza, e vai ser um bom momento pra se ter uma ideia, de como vai se comportar a equipe dalí pra frente(faltando + 3 rodadas pro final da primeira volta).

    Problema maior que VI e não mudou NADICA, foi que JUNINHO e FELIPE, apesar de manterem a sua regularidade, foram pouco ajudados pelo VASQUEZ que, além de não conseguir armar as jogadas não conseguia fazer a recomposição defensiva. Vasquez foi bem substituído pelo BONILHA que também não acrescentou nada no jogo.
    ### por falar em VASQUEZ II: vai ter de melhorar muito pra garantir vaga na meia. Ou ele é travado mesmo ou tá mal fisicamente. Olho nele ou trazer outro pra ele.

    Defesa trabalhou tão pouco, tava tão fria, que quando se viu pressionada, ROGER não conseguiu acompanhar pra matar a jogada, contra um jogador que tinha entrado naquele instante e GOOOOL.
    #### Gol esse que saiu de um BALÃO lá de traz, onde a bola viajou alta. Roger na carreira, tentou usar o corpo mas levou um chega pra lá do adversário que tava com todo gaz(2 minutos que tinha entrado). Até conseguiu derrubar o jogador mas caiu também pisando “infalço” ficando ESTATELADO no chão, e pior, machucado. Felipe Alves até que defendeu no primeiro lance mas deu rebote no segundo pau onde o jogador estava sozinho chupando um “dindim”.
    Gol, mais como CASTIGO pela produção NÃO APROVEITADA no primeiro tempo que propriamente pela capacidade técnica do time reserva do Inter, mesmo o mesmo estando superior naquele momento da partida.

    Derrota que, ESSA SIM, vai servir pro ZÉ RICARDO fazer correções pontuais mínimas mais NECESSÁRIAS: a)ritmo de jogo empregado até o seu final(intensidade); b) maior EQUILÍBRIO no meio campo defensivamente e em sua criação; c) contratações, principalmente pra ZAGA porque quando se tem um zagueiro a disposição e opta-se por um volante na hora do pega pra capar, é porque precisa de fato de zagueiro(s).

    Se não possível(intensidade mais constante), que a equipe PRESERVE mais a posse de bola no campo de ataque que, CLARAMENTE ficou mostrado que tem condição de ser empregado dentro dos jogos pelos jogadores, desde que apareça um MEIA meia com capacidade suficiente para tal.

    POSTURA já foi diferente de antes: com maior POSSE DE BOLA no ataque ao invés de toques pra traz e/ou de lado; DISTRIBUIÇÃO de jogadores em campo mais próxima, dando pra um cobrir o outro mais efetivamente e as jogadas saírem com maior facilidade(2 ou 3 contragolpes quase que fatais); chegada ao ataque partindo já de dentro do campo adversário e não da intermediária defensiva; PEGADA de segundas bolas, seja no ataque ou defesa coisa que não se via antes.

    Perder PONTOS em CASA não é nada bom. MAS, pela circunstância de estreia do treinador e consequente mudança de POSICIONAMENTO dos jogadores em campo, PODE ajudar muito a ele para achar melhores alternativas pra equipe.
    ##### mais COLETIVIDADE e menos espaços para o adversário nos jogos já deu pra perceber.

    VAI DÁ CERTO !!!!!

  • Rogério disse:

    Caros tricolores, a gente sabe que o time depois que perdeu algumas peças importantes não estava rendendo o esperado e isso ficou claro com o novo professor que jogou num 4-3-3. O problema é que não temos um padrão de jogo definido, não temos um meio campo marcador que dê suporte à defesa e não temos um bom centro-avante. Fica difícil a nossa situação. A sorte é que por enquanto a turma que tá abaixo da gente também oscila,mas contar com a sorte e as investidas do Edinho todo jogo, não são suficientes para dar tranquilidade pra permanecermos na competição. Já falamos muito por aqui das carências da equipe que precisa urgentemente de contratações pontuais e nenhuma satisfação é nos dada. Próximo jogo é o Santos, alguém em sã consciência acredita num resultado positivo? Eu não, ainda mais com o 12º jogador contra ,chamado VAR. O que vimos nesse final de semana nos dois jogos envolvendo os cearenses foi um verdadeiro roubo dos homens do apito.
    Saudações tricolores!

  • XAVIER disse:

    Se aquela bola do gol do Inter fosse nos pés dos atacantes do Fortaleza o gol não teria saído. Goleiro no chão, bola alta. Vejam o que Edinho fez num lance claro de gol: goleiro no chão, bola rasteira. Resultado: goleiro salvou o gol com os pés. Está aí a diferença do craque para o perna-de-pau. A rigor, só tivemos duas chances de gol: o chutaço de Vasquez e a melada do Edinho, com o bom goleiro do Inter salvando a pátria deles. Zéricardo foi mal assessorado nas substituições: Derley de zagueiro? Bonilha no lugar de Vasquez? Oswaldo no lugar de Romarinho? Mexidas erradas, não por culpa do Zé e sim de sua assessoria. No ataque precisávamos de mais um jogador de força e o André Luís deveria ter entrado no lugar do WP9 e não do Romarinho. WP9 apesar do esforço titânico a cada jogo, não rende como centroavante. Não se vê um chute a gol dele, só correria de um lado pro outro. André Luís talvez fosse mais proveitoso com a camisa 9. Que tal experimentar o WP9 como volante pegador? O esquema de jogo 4x2x1x3 pareceu-me uma boa tática do novo treinador. Essa derrota bisonha complicou nossa situação na tabela. Perdemos duas posições e os times de baixo estão subindo. Até a ruindade do CSA ganhou do Fluminense dentro do Maracanã. Como é que pode? Precisamos contratar bons zagueiros e atacantes. Onde achá-los? O cavalo passou selado e a diretoria perdeu a chance de arrumar o time no início da competição. O jeito é torcer pelos que estão aí. Incompetência siderúrgica! E o lance das abelhas antes do jogo? Incompetência total dos bombeiros. Abelhas espantam-se com fogo e fumaça e os homens do fogo não sabiam disso. Hilário!
    ST.

  • Daniel Rodrigues disse:

    O senhor Zé Ricardo tem que botar moral no time e dizer pros jogadores que se não tiverem vontade de jogar digam pra ele pra pôr outros jogadores; pratas de casa, se for o caso.
    O time em dia, uma folha de 3 milhões e meio de Reais, alguns jogadores de renome, outros ultrapassados, mas a maioria dígna de série C, só uns três jogadores de série A.
    O Zé tem que ser muito bom mesmo ou então fazer milagres, já que a diretoria não confia na maior nação do estado e por isso não contrata. Embora o Leão do Pici tenha o maior número de sócios torcedores do Norte e Nordeste.
    Já encostamos na zona e precisamos sair daí o mais rápido possível. Enquanto isso a desgraça descolorida do nosso adversário lá do kanal tá indo bem aos trancos e barrancos.
    Lembrando que o Ceni já tirou o Cruzeiro da zona de rebaixamento.
    Saudações Tricolores!

  • FABIANO disse:

    PQP!
    CADÊ OS HOMENS DO FORTALEZA ESPORTE CLUBE?
    O TIME TÁ SEM RAÇA E SEM VONTADE DE VENCER.
    O TIME TODO TÁ FEITO UMAS MARIQUINHAS E O ROGER CARVALHO É A PUTA PRINCIPAL. DE RUIM QUE É.
    LEÂO DE AÇO BRIGANDO PERTO DA ZONA, ENQUANTO O KANAL , NOSSO VICE, FEDORENTO BRIGANDO NA PARTE DE CIMA DA TABELA.
    O ZÉ RICARDO AINDA NÃO MELHOROU NADA A EQUIPE TRICOLOR.
    PQP!

  • Sérgio Filho disse:

    Pronto! O zagueiro tão aguardado por todos finalmente chegou! Trata-se do “monstro” Adalberto, que estava na RESERVA do ABC de Natal, que disputa a Série C, e que foi rebaixado à Série D, no último fim de semana.

    De duas, uma: ou o nosso clube está quebrado financeiramente, ou a diretoria está mais perdida que cego em tiroteio e chegou ao ápice do desespero. Eu me recuso a acreditar que uma diretoria, dentro da racionalidade e da visível necessidade que o time tem em reforçar o setor defensivo, vai apostar em Adalberto como a solução dos problemas em uma Série A.

    Passaram quase meio ano para contratar um zagueiro, disseram que foram avaliados vários e vários nomes, para quando, finalmente, chegar um jogador desta posição, ser o Adalberto? Esse era a melhor opção? Deveriam estar buscando zagueiros na várzea, só pode ser.

    Meus amigos, é rir pra não chorar. Eu até dei risada lendo essa notícia, mas foi riso de desespero.

    Só digo uma coisa: Iê ê.

    • Carlos Cavalcante disse:

      Sérgio,

      o que temo é isso, com a saída do RC voltou a mentalidade de série C, Sérgio Papelin, Daniel e Paz resolveram “arregaçar” as mangas e começaram a contratar os jogadores do perfil deles.

      Mais de 50 nomes foram avaliados e terminaram no nome do Adalberto, tão de brincadeira com a cara do torcedor.

  • João Ximenes disse:

    – “Acredito que no primeiro tempo, fomos bem, talvez pudéssemos ter saído com uma vitória, mas não aproveitamos as oportunidades que criamos. Mas enalteço as oportunidades. Demos espaço no segundo tempo, não sustentamos uma pressão no segundo, o Inter conseguiu ficar mais com a bola. É precoce falar qualquer coisa do que falta e o que não falta. Mas certamente a idéia é de continuidade do trabalho que estava sendo feito no clube. A gente encontrou um grupo trabalhador e isso me deixou bastante animado, a sequência me deixa bastante animado. Logicamente, com a gente se conhecendo melhor no dia a dia, vamos saber o que precisa melhorar mais”.
    ZÉ RICARDO

    EU:
    É isso mesmo !
    – “primeiro tempo, fomos bem, talvez pudéssemos ter saído com uma vitória, mas não aproveitamos as oportunidades que criamos”.
    # PRECISO ! mais uma vez a equipe encontrou um GOLEIRO “ispritado” que seguraria até “pêido” se o fosse no rumo de suas narinas.
    – “Demos espaço no segundo tempo, não sustentamos uma pressão, o Inter conseguiu ficar mais com a bola”.
    ## EXATAMENTE ! com a fechada do corredor do EDINHO e ROMARINHO, eles compactaram mais a marcação central no que conseguiram ocupar mais espaços, tirando o do FELIPE e JUNINHO que não contavam com ajuda(participação) do VASQUEZ que mais parecia travado ou sem sangue.
    ###MATARAM a ofensividade do LEÃO de Aço mostrada no primeiro tempo.
    – “Logicamente, com a gente se conhecendo melhor no dia a dia, vamos saber o que precisa melhorar mais”.
    #### CORRETO ! primeiro jogo; BASE mantida anterior; INTENSIDADE perdida; OPÇÕES de banco, seja pra se tornar mais ofensivo(ANDRÉ LUIS) e ou mais forte defensivamente( ARARUNA, DERLEY).

    “O que precisa melhorar mais” é a diretoria se mancar e ir ao mercado da bola atrás de mais jogadores pra equipe: ZAGA, LATERAL, MEIA.

    EU faria assim: o que não funcionou bem, além da perda de intensidade ?
    * MEIO CAMPO: Não tendo mais opção para a MEIA, mete um ARARUNA no Vasquez e adianta o JUNINHO, ficando FELIPE e Araruna mais na contenção(o mesmo 4-3-3). Aliás, uma formação desse modelo pelo meio, mais que nunca vai ser necessária contra o Santos no domingo, que joga pra cima até o gás acabar. SANTOS último jogo – derrota pro Cruzeiro no Mineirão, com ingresso a R$ 4,00. É isso mesmo QUATRO REAIS:
    4-3-3 – Everson; Evandro(Pará / Luiz Felipe), Lucas Veríssimo, Gustavo Henrique, Jorge; Diego Pituca, Carlos Sanchez(Alison), Felipe Jonatan; Derlis González, Soteldo, Eduardo Sasha.

    Tem de ir aos poucos. PEÇA a peça. Vai se detectando falhas, vai “eliminando” a peça do jogo(partida) e mandando pra RECICLAGEM coletiva(treinar até a última gota de suor – entender/aprender).
    Dessa forma vai de encontro ao pensamento do ZÉ(Ricardo) quando diz: “É precoce falar qualquer coisa do que falta e o que não falta. A gente encontrou um grupo trabalhador e isso me deixou bastante animado.”

    VAI DÁ CERTO !!!!!

    EM TEMPO: zagueiro ADALBERTO tá de volta. Se não é o dos sonhos, pelo menos trouxeram.

  • João Ximenes disse:

    Pura falta do que fazer !
    Sem meter estatística, prognóstico, qualquer tipo de previsão e/ou adivinhação, vamos aos FATOS ?!

    De início, a “BRIGA” do LEÃO de Aço seria contra: Eles LÁ(os daqui), Bahia, Goiás, Chapecoense, Csa, Avaí(6).
    Daí foram aparecendo: Fluminense, Vasco, Botafogo(3).
    6 + 3 = 9 pra 4 do Z-4 escapariam da degola 5.

    AGORA: Botafogo e Vasco ameaçaram crescer, mesmo ainda oscilantes; Fluminense capengando ainda; Bahia, Goiás e Eles LÁ(os daqui) sempre andaram, e estão a frente(6).
    Restariam Avaí(o fona); Csa(o vice fona); Chapecoense e Fluminense que completam os 4 do Z-4 + LEÃO de Aço.
    4 + LEÃO de Aço = 5 pra 4 do Z-4 escaparia da degola só 1.

    # Menos mal que dos “candidatos”, 5 deles ainda estão atrás(Vasco, Chapecoense, Fluminense, Csa, Avaí), enquanto que os outros 5(Goiás, 1 ponto a frente; Eles LÁ(os daqui) 3; Bahia 4; Botafogo 5, ainda são PEGÁVEIS.
    ## Grêmio no meio e Cruzeiro atrás, a tendência natural é abrirem.

    Faltando + 4 rodadas pra virada(pela ordem de classificação):
    • Botafogo, 22 pontos: Chapecoense(c), Inter(f), Atlético-MG(c), Eles LÁ(os daqui(f);
    • Bahia, 21 pontos: Atlético-MG)f), Csa(c), Vasco(f), LEÃO de Aço(c);
    • Eles LÁ(os daqui), 20 pontos: Flamengo(c), Athético-PR(f), Corinthians(f), Botafogo(c).
    • Goiás, 18 pontos: Inter(c), LEÃO de Aço(f), Palmeiras(c), Grêmio(f);
    • LEÃO De Aço, 17 pontos: Santos(f), Goiás e Fluminense(c), Bahia(f);
    • Vasco, 17 pontos: São Paulo(c), Cruzeiro(f), Bahia(c), Chapecoense(f);
    • Chapecoense, 13 pontos: Botafogo(f), Santos(c), Csa(f), Vasco(c);
    • Fluminense, 12 pontos: Palmeiras(f), Avaí(c), LEÃO de Aço(f), Corinthians(c);
    • Csa, 11 pontos: Cruzeiro(c), Bahia(f), Chapecoense(c), São Paulo(f);
    • Avaí, 6 pontos: Corinthians(c), Fluminense(f), Flamengo(c), Athético-PR(f).

    Quase todos ainda vão ter CONFRONTOS DIRETOS(até 3, inclusive LEÃO de Aço) – menos o já fona Avaí, que não tem “unzin” pra respirar. QUE FASE !

    Perder jogos NEM PENSAR !
    LEÃO de Aço vai PRECISAR VIRAR pra segunda fase, de onde está, PRA CIMA.

    E aí JOSÉ ?????????????

  • XAVIER disse:

    Triste rebocar o grande Adalberto, soldado tricolor, que estava tão bem na reserva da série C. Aonde a diretoria quer levar o Fortaleza? Loucura por loucura, improvisa o WP9 de quarto-zagueiro que é onde ele parece gostar de jogar, pois a camisa 9 não é a praia dele. Quer dizer que levaram 7 meses prospectando zagueiros e terminaram por encontrar Adalberto? Será que é porque ele vai jogar de graça? E o Zé aceitou? O Ceni não aceitaria. Está aí a diferença entre o grande treinador e o caseiro. Solução medíocre que será o passaporte para a Z4 e de lá para a série B, lugar de onde não deveríamos ter saído pra fazer esse papelão. ST

  • João Ximenes disse:

    – “Se não possível(intensidade mais constante), que a equipe PRESERVE mais a POSSE DE BOLA no campo de ataque que, CLARAMENTE ficou mostrado que tem condição de ser empregado dentro dos jogos pelos jogadores, desde que apareça um MEIA meia com capacidade suficiente para tal. Correria dos atacantes(3) só na necessidade extrema. Antes corriam até a área defensiva sem a bola. Hoje vão até o meio e esperam uma segunda bola pra contra-atacar mais perto do gol adversário.”
    João Ximenes – 19 de agosto de 2019 às 07:11 – Blog do Leão

    – “Correr com a bola é mais fácil que correr sem a bola, porque sem a bola você cansa mais. No segundo tempo estamos precisando ficar um pouco mais com a bola […] o nível de intensidade do nosso primeiro tempo tem que ser igual ao do segundo.”
    DERLEY

    – “Demos espaço no segundo tempo, não sustentamos uma pressão, o Inter conseguiu ficar mais com a bola.”
    ZÉ RICARDO

    Mais POSSE DE BOLA ! estamos vendo o mesmo jogo.

  • GABRIEL DIAS disse:

    ME DESCULPE, MAS NÃO ENTENDO PORRA NENHUMA DESSAS CONTAS E ESTATÍSTICAS DO JOÃO XIMENES.
    SÓ SEI QUE O FORTALEZA PRECISA VENCER OS JOGOS DENTRO DE CASA E ALGUNS FORA, COM EMPATES TAMBÉM.
    O TÉCNICO NOVO TEM QUE TER MAIS ATITUDE, TREINAR MAIS, GRITAR MAIS E VENCER MAIS PARA COLOCAR O LEÃO NO MELHOR LUGAR DO NORDESTE.
    JOGADORES LIMITADOS, MAS TEM QUE TER SANGUE E GARRA DE LEÕES PARA SE SUPERAREM.
    SAUDAÇÕES TRICOLORES!

    • João Ximenes disse:

      GABRIEL DIAS, meu volante/lateral…

      Como EU disse, é pura falta do que fazer.
      Mas, não são “contas” nem “estatísticas”. São fatos e situações !

      Intenção é:
      a) mostrar a posição de cada uma das equipes tidas no início da temporada como adversárias diretas na briga pela sobrevivência na Azona;
      b) diferença de pontuação;
      c) confrontos de cada uma delas nessa reta final de 1º turno, pra gente tentar IMAGINAR o melhor, do como será o desenrolar até a virada de fase.

      # Equipes tidas: Eles LÁ(os daqui), Csa, Avaí, Bahia, Goiás, Chapecoense, daí foram aparecendo: Vasco, Fluminense, Botafogo.

      Por exemplo{…} o Avaí(20º).
      Na situação que se encontra(nenhuma vitória), com 6 pontos e é o fona, nos jogos que faltam, só pega pedreira: Corinthians(c), Fluminense(f), Flamengo(c), Athético-PR(f). Ou seja apenas uma equipe que tá nas disputas na parte baixa da tabela(Fluminense).

      LEÃO de Aço(14º), 17 pontos, pega Santos(f), Goiás e Fluminense(c), Bahia(f). Ou seja, pega ainda 3(Goiás, Fluminense, Bahia).

      Qual situação é mais ALENTADORA ?
      LEÃO de Aço vai PRECISAR VIRAR pra segunda fase, de onde está(14º), PRA CIMA.

      Um abraço.

  • Antonio de Oliveira Sousa disse:

    Adalberto pode não ser esses balaios todo, mas pelo menos é compromissado. Diferente de um Natan da vida que não está nem aí. Veio só curtir praias e barca.

  • GABRIEL DIAS disse:

    VALEU DEMAIS Ó, JOÃO XIMENES.
    VOCÊ É UM CARA INTELIGENTE, TIPO………….DEIXA EU VER………..NOSSO GURU, ELENILSON DANTAS, O INSUPERÁVEL!
    DEIXANDO O PUXA-SAQUISMO DE LADO, O FORTALEZA PRA SE MANTER NA SÉRIE A PRECISA TERMINAR O PRIMEIRO TURNO DO BRASILEIRÃO ENTRE OS 12 PRIMEIROS COLOCADOS, POIS CONSIDERO O SEGUNDO TURNO MAIS DIFÍCIL AINDA.
    SAUDAÇÕES TRICOLORES!

    • João Ximenes disse:

      Sabe o que é mais ALENTADOR ainda meu caro GABRIEL DIAS(meu volante/lateral)…

      É que, os piores resultados, ou os mais significativos do nosso LEÃO de Aço, foram jogando fora, no que dá a CHANCE de recupera-los aqui no Castelão: Palmeiras, Flamengo, Grêmio, Eles LÁ(os daqui) com mando de campo e torcedor junto + 1 empate com o Atlético-MG.

      Temos a chance de disputar 14 pontos extras, também de início de virada(entre a 1º e a 15º rodadas faltando 4 pra acabar). Eles não nos venceram lá. Porque não, nós aqui(?!)

      ZÉ(Ricardo) acertando a equipe nessa reta final de 1ª volta – e EU acredito nisso -, LEÃO de Aço vai entrar na 2ª volta com melhores chances de brigar na parte destinada a Sul-Americana pra cima.
      Isso é o que PENSO e DESEJO !

      Meu pensamento no futebol é o mesmo pensamento quando trata-se de uma loteria por exemplo: SE SOUBESSE QUE MEU TIME IRIA PERDER, JAMAIS SAÍRIA DE CASA PRA ASSISTIR DAS ARQUIBANCADAS. Se VOU, é porque ACREDITO em vitória.
      Na loteria, se SOUBESSE que não ganharia, tu acha que EU jogaria ? meu dinheiro ainda não acho no pé de calçada alta.

      E de Azona: “Pensar em ser CAMPEÃO fica-se mais perto de Libertadores; Pensar em LIBERTADORES, chega-se mais perto de uma Sul-Americana; Pensar em SUL-AMERICANA é ficar mais longe dos 4 que vão brigar pra escapar; Pensar em ESCAPAR é ficar com o pé ATOLADO na zona maldita, ARQUEJANDO, só esperando o pior”.

      Aproveitando essa minha volta, sobre opinião do ANTONIO DE OLIVEIRA logo acima sobre a contratação(volta) do ADALBERTO, ASSINO em baixo meu caro, e repito o que falei antes: SE NÃO ERA O DOS SONHOS, pelo menos TROUXERAM.
      E em dose dupla, pois JACKSON, zagueiro vindo do Bahia, já tá treinando com o grupo também.

      Valeu.

  • João Ximenes disse:

    É impressionante como imprensa, dirigentes se apegam a estatísticas, confrontos anteriores(de até 50 anos atrás), brincam de adivinhação, e esquecem o que de fato deve ser considerado: O MOMENTO.
    Futebol é momento. É o agora !

    – “Pontuação ideal para o Fortaleza ao final do primeiro turno seria de 26 pontos. Hoje, o Tricolor tem 17 pontos e disputará mais quatro jogos: Santos-SP (fora), Goiás (casa), Fluminense-RJ (casa) e Bahia (fora). Ou seja, precisa vencer três para atingir a meta.”

    EU:
    Pontuação ideal é conquistada com vitórias dentro dos jogos. “Precisa é vencer”.
    Necessidade de VITÓRIAS, ela vem desde o INÍCIO da competição. Não existe tabela difícil pra A ou B, porque os jogos já são DEFINIDOS bem antes de começar o campeonato. Cada Um tá na situação que tá, é por pura culpa dos trabalhos desenvolvidos dentro dos jogos.

    Melhor pensar que LEÃO de Aço jogou e foi derrotado fora por: Palmeiras, Flamengo, Botafogo, Grêmio e + um empate com Atlético-MG, e ainda vai pega-los nos jogos de volta dentro de casa.
    É o que aí(?)… 15 pontos.

    Home vão atrás de VITÓRIAS, somar pontos, que é o melhor a fazer, porque no domingo agora, o Santos vai com tudo pra cima(como sempre faz na competição): Everson, Victor Ferraz, Lucas Veríssimo, Felipe Aguilar, Jorge; Diego Pituca, Carlos Sánchez, Evandro; Marinho, Soteldo, Eduardo Sasha.
    Fosse EU o ZÉ(Ricardo) ia de: Felipe Alves; Gabriel Dias, Quintero, Jackson, Carlinhos; Felipe, Juninho, Vasquez(Marlon); Edinho, Romarinho(André Luis), Wellington Paulista.

    Ingressos esgotados lá na Vila Belmiro também viu ?!

    VEM CHUMBO GROSSO POR AÍ !!!!!

  • Antonio de Oliveira Sousa disse:

    Só espero que não sejamos garfados novamente como sempre vem acontecendo. Como tambem, não expulsem nossos jogadores. Pois nunca se viu expulsar jogadores com tanta facilidade, como expulsam os nossos jogadores.
    Parece que os apitadores já vem com a intenção.

  • João Ximenes disse:

    TÔ nem aí pra isso, mas ME chamou atenção POST no Blog Futebol do Povo, e como TAVA fazendo nada nesse sábado, só coçando, FUI averiguar esses cálculos de possível “recorde histórico ser batido”.

    E vai dá pra alcançar ?
    R$ 1.900,000,00 – R$ 2.582.575,00 = R$ 682.575,00(diferença)

    Se restam “apenas” 200 ingressos pra TENTAR alcançar o valor do jogo do LEÃO de Aço x Brasil de Pelotas pela Czona -EU disse pela Czona -, cada um deles deveria custar R$ 136,52.

    – Como o valor dos ingressos disponíveis é de R$ 140,00 ainda assim não daria:
    • 200 x R$ 140,00 = R$ 280.000,00
    – Se venderem 50 ingressos a preço de MEIA(R$ 70,00), ainda assim vai alcançar ?
    • 50 x R$ 70,00 = R$ 3.500,00
    – 150 x 140,00 = R$ 210.000,00 e + 50 x R$ 70,00 = 3.500,00
    – For assim:
    R$ 210.000,00 + 3.500,00 = R$ 213.500,00

    RESULTADO FINAL: R$ 682.575,00(diferença) – R$ 280.000,00(200 ingressos que faltam a R$ 140,00 e sem vender nenhuma MEIA entrada) = R$ 279.317,425 de diferença AINDA.
    Ou FIZ a conta errada ?

    Quem fez o CALCULO pro “recorde histórico ser batido” ERROU feio, ou foi EU mesmo !
    Deve ter sido EU mesmo, pois seria INADMISSÍVEL um departamento financeiro errar em mais de R$ 270.000 paus.

    Deixa pra lá. Até porque como disse: TÔ NEM AÍ PRA ISSO mesmo !
    Vale só ressaltar que o que tá sendo tratado aí é futebol Czona(Brasil de Pelotas) x Azona(Flamengo).

  • Antonio de Oliveira Sousa disse:

    Tem partidas, que o time do Fortaleza entra em campo pensando que ainda está disputando a série C.
    E quando cai na real, o prejuízo já é grande.
    Não dá pra entrar ligado desde o começo?

  • GABRIEL DIAS disse:

    NÃO SE PODE DESPREZAR ESSAS CORES, AZUL, VERMELHO E BRANCO.
    O FORTALEZA EMPATOU NOS ACRÉSCIMOS COM O SANTOS, ENTÃO LÍDER BRASILEIRO, 3 X 3.
    FOI BOM PORQUE FOI UMA PARTIDA TOTALMENTE DIFERENTE DAS OUTRAS, EM QUE O LEÃO DO PICI JOGOU MAIS NO SEGUNDO TEMPO, PROVAMDO QUE AS CRÍTICAS QUE FIZEMOS SOBRE O PREPARO FÍSICO DO TIME SURTIRAM EFEITO.
    VALEU, TRICOLOR DE AÇO DO PICI, VAMOS SUBIR NA TABELA!
    SAUDAÇÕES TRICOLORES!

  • Kleber disse:

    Kadê a postagem do jogo do Fortaleza com o santos, Elenílson?
    Kadê a vitória que aquele timinho do esgoto queria? Kkkkk.
    Kadê o penta-fake e imoral?
    Kadê o Nacional do kanal?
    Verdadeiras Saudações Tricolores!

\

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

dezesseis − 8 =