Blog do Vozão

Botafogo 2×2 Ceará – Um tempo, um ponto

186 7

Atacante Cléber voltou a marcar e quebrou o jejum de gols (Foto: Israel Simonton/Cearasc.com)

Depois de um primeiro tempo muito, mas muito abaixo do desempenho habitual do time, chegando a fazer seu torcedor temer pelo pior, o time deu uma melhorada no segundo tempo, conseguiu equilibrar as coisas em campo e, pelo menos, saiu de campo com o empate. 

Uma peça mal encaixada fez com o time não conseguisse fazer seu jogo habitual. Lima era essa peça. Além de não produzir nada, a presença de Lima em campo afetou o desempenho de Vina, e sobrecarregou Fabinho e Charles na marcação no meio de campo.

No segundo tempo, sem Lima em campo, o time passou a ter um desempenho melhor, mas não o suficiente para vencer a partida.

Vale ressaltar que a melhora do time não se deu tanto pelos que entraram, mas, muito mais pela saída de Lima. Leandro Carvalho fez o gol e só, e ainda não esqueceu de tomar o seu cartão amarelo, Rick o de sempre, nem fedeu, nem cheirou, Wescley só entrou em campo. E assim a estrela de Vina ajudou o Guto.

A boa é que o ataque voltou a marcar. A lição é que não dá mais pra insistir com Lima.

Diria que o resultado de empate foi justo, não pelo que fizeram os dois times em campo, mas sim pelo que não fez o Vozão na partida, principalmente no primeiro tempo.

Por fim, apesar de não ter conseguido a vitória, vale dizer que em competições de pontos corridos é sempre bom pontuar fora de casa. Portanto, um ponto que tem seu valor e sua importância.

Pra finalizar, não se deixe perder pelas competições, agora é hora de dar uma pausa na Série A, e voltar o foco para a Copa do Brasil, pois na quarta-feira, 04/11, teremos decisão de vaga no Castelão. Que venha o Santos.

Confira lances da partidas.

7 Comentários

  • Neto disse:

    Pela situação, razoável o empate. O que está acontecendo com a defesa do Ceará? Os caras desaprender de jogar? Creio que a diretoria deveria dar uma ‘dura’ no time. Algo errado…… SA.

  • Dragão Alvinegro disse:

    Para o Ceará, ganhar um jogo é um verdadeiro parto cesariano. Mas, quem tem no elenco jogadores como Leandro Carvalho, Rick, Leo Chu, Rodrigão, Mateus Gonçalves, Lima, Saulo Mineiro, Jacaré, Clebão, Wescley, Marthan e Pedro Naresi vai querer o que? Notem que só faltou eu colocar um goleiro para formar um time ruim.É essa a marca registrada do Sr. Robinson de Castro. Este ano parece que vai ser mais fácil terminar em 16° lugar. Há muitos times ruins na competição. Agora, com certeza, o superavit está garantido.

  • Dylvardo disse:

    É amigos, esse foi mais um jogo
    Em que não ganhou nosso Ceará
    Jogou foi nada no primeiro tempo
    E depois ainda conseguiu empatar
    O que nos faz falta é bom jogador
    Quem sofre com isso é o torcedor
    Mas hoje, dava até para ganhar.

  • Neto disse:

    Por outro lado, o problema talvez não seja a zaga, e sim, a falta de um cabeça de área marcador, pois o Fabinho não marca ninguém, o Wiliam só voltará no próximo ano, e o Charles joga mais pra frente. Enfim, não temos um cabeça de área marcador (tínhamos o Juninho que infelizmente está jogando no adversário)… SA.

  • Dylvardo disse:

    Camaradas alvinegros.. também tenho um Blog, o Cantim do Dylvardo, onde atualizo sobre tudo o que há de novo sobre a pandemia do Covid-19, sobre temas de Pneumologia, falo de arte, de cordel (não poderia faltar), de fotografias, de culinária, de viagens, do Caminho de Santiago, de política e lógico, do nosso Vozão. Se alguém tiver interesse, segue o link.

    Saudações alvinegras.

    https://dylvardofilho.wixsite.com/cantim

  • Dylvardo disse:

    Se alguém tiver um time de futebol de botão de osso (também conhecido por futebol de mesa), faço um desafio para uma melhor de 3 a combinar… tenho 2 times completos com goleiros, campo, traves, bolas de azulejo e as regras. É só marcar.

  • VOZAO disse:

    Espero que não tenha peninha do Santos também mm

\

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *