Clube da Luta

Entrevista completa | Dudu Dantas quer fazer história no Bellator, mas não esconde desejo de chegar ao UFC

Dudu Dantas defende o cinturão pela terceira vez | Foto: Gaspar Nóbrega/Inovafoto

Dudu Dantas defende o cinturão pela terceira vez | Foto: Gaspar Nóbrega/Inovafoto

De origem humilde, o garoto da comunidade de Santo Amaro, no Rio de Janeiro, Eduardo Dantas, o Dudu, defende hoje a noite o cinturão do Bellator contra o americano Joe Warren. Com 25 anos, o campeão da organização concorrente do Ultimate Fighting Championship (UFC) busca emplacar mais uma vitória e colocar um ponto final nas desavenças com o adversário. O combate é bastante aguardado e ganhou mais evidência após a troca de farpas entre os atletas.

Em entrevista ao Blog Clube da Luta/O POVO, Dudu falou sobre tudo: título, Bellator, UFC, José Aldo, Renan Barão, Joe Warren e muito mais! Veja abaixo o bate-papo completo:

Blog Clube da Luta | Dudu, um campeão sempre tem um rival para protagonizar grandes batalhas e até polêmicas. Assim foi, por exemplo, Anderson Silva e Chael Sonnen. Você acha que pode nascer um grande episódio do MMA entre Dudu Dantas e Joe Warren?

Dudu Dantas | Excelente pergunta. Acho que o Warren encontrou uma maneira de tentar mexer comigo antes da luta, falando tudo o que ele falou. Mas, viu também que eu respondi e não me intimidei, e nunca vou me intimidar com nada. A luta se ganha lá dentro do cage, é lá que a gente vê quem é quem. Eu gostei dessa experiência de trash talk, não tinha vivido isso ainda na luta. Sou um cara tranquilo, respeitador, e justamente por isso não faltei com respeito ao Warren, apesar de tudo que ele falou. Acredito que isso ajudou a vender mais a luta, muita gente tem me pedido para dar uma surra nele, e é isso que vou fazer dia 10.

BCDL | Qual foi a declaração de Warren que mais te irritou?

DD | Nenhuma me irritou, na verdade. Eu até achei graça de algumas, principalmente quando ele disse que eu estava correndo dele, quando me lesionei e tive que adiar a luta. Nunca corri de ninguém, eu sou o campeão. Dei algumas respostas pra ele, como a do doping que ele foi pego, e ele nunca mais falou nada. (risos)

BCDL | O Warren é mais velho, porém você possui mais lutas que ele. O gás e a diferença de idade podem fazer diferença na luta?

DD | Ele é um cara intenso, coloca muito gás na luta, acho que somos iguais nisso. A diferença da luta será minha inteligência.

BCDL | Venho acompanhando você nas redes sociais. Vejo que postou vários vídeos mostrando seus treinos físicos. Você focou mais na preparação física?

DD | A cada luta vou dando ainda mais atenção nessa parte. Em minha categoria, todos os lutadores têm gás de sobra, então não posso dar mole. Estou pronto para lutar até 10 rounds se ele quiser.

BCDL | Dudu, como foi feito a preparação para o combate – como você virá para a luta: vai buscar trocar um pouco e levar para o chão? Qual a estratégia?

DD | Eu tenho ao meu lado a inteligência. Tenho um jogo de pé forte, derrubo bem, defendo bem as quedas e meu jiu-jitsu é da Nova União, o que já mostra que é excelente. Por causa disso, me sinto à vontade de subir no cage e ficar bem tranquilo sobre estratégia. Tenho muitas armas para vencer o Warren.

BCDL | Como são os treinos com feras como José Aldo e Renan Barão, sob a tutela de Dedé Pederneiras?

DD | São ótimos, intensos e de muito aprendizado diariamente. Estive com o Junior em camp, já que ele luta dia 25 deste mês também, e foi mais uma vez excelente. Venceremos nossos desafios e vamos deixar esses cinturões aqui no Brasil.

BCDL | Vendo suas lutas, vejo você como um dos atletas mais afiados quando está com as costas no chão. O Warren é um wrestler e deve tentar a queda. Será uma péssima estratégia levar você ao solo?

DD | Será péssimo para ele só entrar no cage comigo. Ele vai acabar nocauteado, finalizado ou muito castigado.

BCDL | Em uma entrevista que fiz com o Marlon Sandro, ele me falou que você foi revelado em um projeto social dele. O que representa o Marlon e a oportunidade desse projeto em sua carreira?

DD | Sem o Marlon, eu não estaria onde estou hoje. É um cara de suma importância para mim, meu irmão.

BCDL | Dudu, você é campeão de um dos maiores eventos de MMA do mundo. Muitos atletas falam sobre o sonho de chegar ao UFC. Mesmo sendo campeão do Bellator, você pensa em um dia lutar pela organização de Dana White?

DD | Estaria mentindo se dissesse que não penso nisso. Só que eu sou um cara muito realista. Hoje estou no Bellator, então é aqui que está o meu foco. Minha categoria tem lutadores perigosos, desafiantes que me dão motivos para sempre estar em busca da evolução. Quero evoluir o quanto eu puder sempre, e o futuro está nas mãos de Deus.

BCDL | Para quem ainda não te conhece, queria que você falasse um pouco sobre a sua história.

DD | Sou um cara feliz por fazer o que eu amo. Quem me vê treinando, lutando, acho que consegue enxergar isso. Vim da comunidade do Santo Amaro, no Rio, moro lá até hoje. Estou ganhando o mundo, mas sem nunca esquecer minha origem. Luto pela minha família, equipe e amigos. Esse é o Dudu.

BCDL | O Aldo mantém o cinturão diante do Chad Mendes?

DD | Com certeza. Teremos mais um nocaute.

BCDL | O Barão consegue recuperar o cinturão?

DD | Sem a menor dúvida. O Barão vai voltar mordido, e isso será ruim para quem estiver na frente dele.

Recomendado para você

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *