Clube da Luta

VÍDEO: após vitória no UFC, lutador inglês dispara: “Lula na cadeia e Bolsonaro como presidente em 2018”

Darren Till falou de política no discurso de sua vitória no UFC Roterdã. Foto: UFC.COM

O lutador inglês Darren Till, nascido em Liverpool, que se mudou para o Brasil em 2012 para praticar artes marciais, disse após vencer o sérvio Bojan Velickovic por decisão unânime dos juízes no UFC Figth Night Roterdã, na Holanda, que em 2018 quer Lula na cadeia e Bolsonaro como presidente. Pelo Twitter, o pré-candidato à Presidência compartilhou o vídeo da declaração.

“Eu só quero dar um alô para as pessoas da Astra [Fight Team] lá no Brasil. E outra coisa, eu gosto de um político por causa do meu mestre. Lula na cadeia e Bolsonaro presidente 2018”, falou o lutador inglês ao vivo.

Darren é treinado por Marcelo Brigadeiro, mestre da Astra Fight Team, radicada em Florianópolis. Ele veio para o Brasil para passar seis meses treinando no País, mas se encantou com Balneário Camboriú, casou com uma brasileira, teve uma filha e fez das terras tupiniquins sua morada.

Till manteve-se invicto no MMA, com um cartel de 15 vitórias e um empate. Ele aproveitou para desafiar o argentino finalista do TUF Brasil 2, Santiago Ponzinibbio. “Eu sou o melhor striker dessa divisão e, talvez, do UFC. Santiago Ponzinibbio acabou de nocautear o Gunnar Nelson e eu quero lutar com ele. Se ele diz que é o melhor striker e eu digo que sou eu, então por que nós não lutamos?”, pediu o lutador.

Confira o vídeo no link a seguir!

Recomendado para você

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *