Educação

Estudante da UFC é ouro em evento Internacional de Matemática

O estudante Davi Lopes Alves de Medeiros, do curso de bacharelado em  Matemática da Universidade Federal do Ceará, conquistou medalha de ouro  na 19ª Competição Internacional de Matemática para Estudantes  Universitários (IMC), na Bulgária. O evento terminou no último dia 1º.

Participaram do evento 318 estudantes  de mais de 70  instituições de  ensino superior de todo o  mundo. Além de Davi, ficaram em primeiro  lugar Renan Henrique Finder, Matheus   Secco e Hugo Fonseca Araújo,  alunos da Pontifícia Universidade Católica   do Rio de Janeiro  (PUC-Rio).

Os representantes brasileiros conquistaram  outras 11  medalhas, sendo  duas de prata (Second Prize) e nove de  bronze.

A delegação brasileira  foi composta por 23 alunos das equipes olímpicas da PUC-Rio, do  Instituto Militar de Engenharia (IME), Instituto Tecnológico de  Aeronáutica (ITA), Universidade Estadual de Campinas (Unicamp), Fundação  Getúlio Vargas (FGV-Rio), UFC, Universidade Federal de Campina Grande  (UFCG), Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), Universidade  Federal de Uberlândia (UFU) e Universidade de São Paulo (USP), campi de  São Paulo e São Carlos, lideradas pelos professores Samuel Barbosa  Feitosa de Salvador (BA) e Fábio Dias Moreira do Rio de Janeiro (RJ).

Na competição, os participantes resolvem duas provas aplicadas em dois  dias consecutivos, com um tempo de cinco horas cada dia. As provas devem  ser resolvidas em idioma inglês e incluem questões dos campos da  álgebra, análise real e complexa, além de combinatória, cujas pontuações  somadas determinam os vencedores.

O Brasil participa da competição desde 2003, tendo já conquistado 99  medalhas, sendo uma de ouro especial (Grand First Prize), 16 de ouro  (First Prize), 31 de prata (Second Prize) e 51 de bronze (Third Prize).

Os estudantes brasileiros foram selecionados através da Olimpíada  Brasileira de Matemática (OBM), projeto conjunto do Instituto Nacional  de Matemática Pura e Aplicada (IMPA) e da Sociedade Brasileira de  Matemática (SBM) e conta com o apoio do Conselho Nacional de  Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq/MCTI) e do Instituto  Nacional de Ciência e Tecnologia de Matemática (INCT-Mat).

Fonte:  Olimpíada Brasileira de Matemática – (fone: 21 2529 5077)