Futebol do Povo

Ceará vai embolsar R$ 1.3 milhão por transferência do zagueiro Pablo na Europa

5067 8

Pablo defendeu o Ceará em 2010 e 2011. (Foto: Rafael Cavalcante, em 27/12/10)

Nesta segunda-feira, 23, o Bordeaux, da França, acertou a venda do zagueiro Pablo ao Krasnodar, da Rússia, por 12 milhões de euros (aproximadamente R$ 53,3 milhões na cotação atual). Com isso, o Ceará irá embolsar R$ 1.332.500 com a transferência.

Isso porque o Vovô, como clube formador do atleta, tem direito a receber 2,5% do total da transferência, que corresponde a esse valor.

Essa é a segunda vez que o Ceará fica com uma parcela de venda do jogador. Em 2015, quando estava na Ponte Preta, o zagueiro foi vendido ao Bordeaux por R$ 24 milhões e o Vovô ficou com cerca de R$ 600 mil.

Atualmente com 27 anos, o defensor, natural de São Luís, passou pela base do Ceará e chegou a atuar nos profissionais em 2010 e 2011, então com 18 pra 19 anos. Ele então ficou seis meses afastado – treinando separadamente do elenco principal – porque o presidente do clube na época, Evandro Leitão, se desentendeu com o empresário do atleta.

O Alvinegro queria renovar o contrato que venceria logo, mas o jogador acabou saindo de graça, primeiro por um curto período no PSV, da Holanda, depois para o Grêmio. Do Grêmio foi ao Avaí até chegar na Ponte Preta e depois se transferir para o Bordeaux. De lá, foi emprestado ao Corinthians, onde foi campeão brasileiro em 2017. Depois retornou ao clube francês e agora irá defender o Krasnodar.

Recomendado para você

8 Comentários

  • Andrey disse:

    O Ferroviário também tem direito a uma porcentagem, bem como o Iraty/PR. O jornalista precisa se informar melhor e fazer a atualização da notícia, afinal, o blog é cearense e deveria ressaltar ambos os clubes.

  • Tiago disse:

    Engraçado que esse pobre saiu daqui taxado como jogador pereba pela nossa torcida.

    1,3 milhões é esmola, agora imagine esses R$ 24 milhões na conta do Vozão.

    Daqui um tempo o parmeira vende o Arthur por mais que isso e o vozão fica chupando dedo.

    Ê ê, ainda somos tupiniquins no futebol…

    • José disse:

      Lembro do Pablo sendo chamado de ruim pela torcida, mas o Arthur ainda tem que melhorar muito pra ser ruim(pelo menos ele parece ter mais conhecimentos de mais fundamentos do futebol do que o cabeceador Gustavo).

  • Deval Paixão Alvinegra disse:

    Quem está certo? O empresário ou o dirigente do clube? Eu acho que o vozão foi o prejudicado. Até que ponto o empresário pode contribuir para a formação do jogador?

  • Doutor ze gota disse:

    Do que adianta o ceara ter tanto dinheiro em caixa se nao tem contratações de nivel pra serie a. Pode ganhar varios milhoes que o presidente nao ira contratar nenhum jogador que preste. Nao vejo a hora desse presidente sair do ceara, um dos piores que ja vi.

  • Cleiton Vidal disse:

    Rapaz esse negócio de empresários no futebol é relativo …Tem os que ajudam muito o clube quando conseguem fazer façanhas tipo alessandra 75 mi euros e esses que não ajudam o clube formador tipo quando fazem o jogador sair do clube de graça. ..Os clubes da capital são amadores nesse quesito.

  • Dragão Alvinegro disse:

    Pra onde vai esse dinheiro? Deve ser pra construir salas, escritórios, ginásios, restaurantes. Só não é para o futebol do Clube. O Futebol do Clube está simplesmente abandonado pela MÚMIA PARALÍTICA.

  • Dragão Alvinegro disse:

    Essa figura PATÉTICA, LOCATÁRIO DO CEARÁ SPORTING CLUB, andou falando besteira em uma emissora de rádio, meses atrás, dizendo que só saíria do Ceará, morto, ou na primeira divisão. Por aí vocês tiram a capacidade mental da figura. Quem foi que indicou um descontrolado desse pra dirigir uma instituição de respeito como o Ceará?

\

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *