ID

Em novo quadrinho de X-Men, Brasil é considerado “adversário natural”

(Foto: Divulgação)

A nova série de quadrinhos do X-Men vai ter como um dos “inimigos” o Brasil. Em “House of X”, assinada por Jonathan Hickman, o país foi uma das nações que não aceitaram a criação da ilha de Krakoa, local destinado às pessoas com superpoderes.

Na América do Sul, a Venezuela também rejeitou o fato. Rússia e Coréia do Norte foram os outros países que optaram por não manterem relacionamento diplomático com os mutantes. Assim, essas nações passaram a ser consideradas inimigas.

Uma das páginas da publicação, que foi recém-lançada nos Estados Unidos, mostra a lista de países que foram contra a criação de Krakoa e rejeitaram relacionamento diplomático, bem como o motivou os países a tomarem a decisão. O Brasil, por exemplo, tem como motivo assuntos políticos.

No total, 14 nações dos continentes asiático, europeu, africano e americano (Sul e Central) não mantém relacionamento com a ilha.

Veja a lista de países:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

oito + 18 =