Política

Quatro anos após inauguração, Metrofor começa a aposentar bilhete de papel e urna de madeira

Sistema eletrônico de bilhetagem começa a ser testado no Metrô de Fortaleza (FOTO: DIVULGAÇÃO)

Sistema eletrônico de bilhetagem começa a ser testado no Metrô de Fortaleza (FOTO: DIVULGAÇÃO)

O Metrô de Fortaleza é uma das maiores provas do nível de incompetência do poder público brasileiro. A linha Sul da obra, iniciada em 1999, só foi inaugurada em 2012. Longos 13 anos de espera. Para operar comercialmente foram mais dois anos, funcionando apenas das 6h30min às 19 horas. E pasmem: sem sistema eletrônico de bilhetagem. Era tudo na base do papel e da urna de madeira. Mais arcaico, impossível. Só agora, em julho de 2016, é que começou a fase de testes da forma mais moderna de controle de passageiros.

“O novo sistema permitirá, num futuro próximo, através do Bilhete Único Metropolitano, uma integração com todos os sistemas de transporte metropolitano”, explicou o diretor-presidente da Metrofor, Eduardo Hotz, em relação outra antiga promessa de nossos governantes.

Segundo a Companhia Cearense de Transportes Metropolitanos, a fase de testes acontece inicialmente na estação Chico da Silva, no Centro. A previsão é que em até três meses ela tenha alcançado todas as estações.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *