Política

Pastor Ronaldo promete Hospital do Idoso e fim das Regionais

316 4
Pastor Ronaldo é candidato pelo PRB (Foto: Reprodução/TV Cidade)

Pastor Ronaldo é candidato pelo PRB (Foto: Reprodução/TV Cidade)

Candidato do PRB a prefeito de Fortaleza, o deputado pastor Ronaldo Martins prometeu nesta quarta-feira, 24, construir o Hospital do Idoso em Fortaleza. Segundo o candidato, a ideia é criar uma unidade de referência para casos clínicos mais comuns entre idosos, agilizando o atendimento e garantindo atenção especial aos pacientes.

Em debate na TV Cidade, Ronaldo Martins propôs ainda extinguir as Secretarias Executivas Regionais (SERs) de Fortaleza. Segundo ele, a ideia seria substituir os órgãos, que seriam “caros demais e ineficientes”, por 117 ouvidorias regionais. “Quem mora no José Walter precisa ir longe para pedir um corte de árvore. Queremos descentralizar, regionalizar nos bairros”.

O candidato propõe ainda a sinalização “clara e com 100m de antecedência” de todos os fotossensores da cidade. “Vamos acabar com arapucas”, disse. Outra proposta é o corte de até 30% de todos os servidores comissionados na Prefeitura. “Acabou a farra”, disse.

Recomendado para você

4 Comentários

  • elegantemente disse:

    Tá aí uma proposta boa! Acabar com essas regionais…puro cabide de emprego! E ainda por cima ineficientes. Acontece…exatamente isso que ele falou…você vai pedir uma coleta de entulho, corte de árvore, asfalto na rua…é um processo demorado e longo…na maioria das vezes os “funcionários públicos” nem lhe dão moral….fazem você de besta…preenchendo uma papelada sem fim e ainda tem aguentar as frustrações pessoais deles.

  • elegantemente disse:

    único problema! Excesso de religião! Isso + política = BOMBA ATOMICA!

  • silva disse:

    ele afirma que vai acaber com as 7 regionais e transformar em ouvidorias por 117 ouvidorias regionais. Me diz onde entra economia nisso?

  • Paulo Andrade disse:

    Hospital tem que ser para todos, inclusive com toda condição para solucionar todos os problemas com emergência de verdade.
    Se fizerem um hospital para uma categoria, outras também vão querer o mesmo. Todos pagamos impostos, não podemos ter tratamento diferente.

\

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *