Política

Prefeito de Mauriti é afastado por indícios de desmonte

Evanildo Simão (PT) é afastado da Prefeitura de Mauriti (FOTO: Divulgação)

Evanildo Simão (PT) é afastado da Prefeitura de Mauriti (FOTO: Divulgação)

O prefeito do município de Mauriti, Evanildo Simão (PT) foi afastado pela Justiça por indícios de desmonte. A decisão foi proferida nesta sexta-feira, 16, pelo juiz substituto Diogo Altorbelli Silva de Freitas, da Comarca de Mauriti,  que atendeu a pedido do promotor de Justiça Leonardo Marinho de Carvalho.

O promotor fez ação cautelar preparatória de Ação Civil Pública  por ato de improbidade administrativa após inspeção do Tribunal de Contas dos Municípios (TCM) na cidade. Na visita, o órgão identificou diversas irregularidades.

Entre elas, a ausência de repasse dos valores de empréstimos consignados dos servidores públicos aos bancos, retenção e não repasse do INSS, despesas empenhadas a pagar sem lastro financeiro, contratação irregular de assessor jurídico-tributário, paralisação do serviço de coleta de lixo e atraso salarial dos servidores públicos.

“O requerido é alvo de investigações para apuração de graves fatos, sendo que a sua manutenção à frente do Executivo Municipal poderá resultar em grande prejuízo para a instrução da ação de improbidade a ser intentada, sobretudo no que diz respeito às provas documentais que estão em poder da Prefeitura Municipal”, afirmou o promotor.

Concurso

A Prefeitura de Mauriti ainda decretou a validade de concurso público da Secretaria Municipal de Saúde, apesar das irregularidades constatadas no certame. Além do afastamento, o magistrado suspendeu os efeitos do decreto Nº 56/2016 que desanulava o referido concurso.

Somente esta semana, ações antidesmonte do MPCE afastaram dos cargos públicos os prefeitos e outros 11 gestores públicos dos municípios de Martinópole e Mulungu.

Evanildo, que também é vice presidente da Associação dos Municípios do Estado do Ceará (Aprece), não atendeu às ligações.

Recomendado para você

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *