Política

José Serra declara neutralidade em disputa entre Haddad e Bolsonaro

José Serra. (Foto: Marcos Oliveira/Agência Senado)

O senador José Serra (PSDB) afirmou indisposição para apoiar tanto Jair Bolsonaro (PSL) quanto Fernando Haddad (PT) no segundo turno da disputa presidencial. O tucano disse também que, ao que lhe parece, esta deverá ser a posição oficial do PSDB sobre a questão. “Nunca jogando no quanto pior melhor”, escreveu.

A declaração de Serra vai na mesma linha do posicionamento de outro líder tucano, o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso. Nessa segunda-feira, 8, também pelo Twitter, FHC disse que “nem o PT nem Bolsonaro explicitaram compromisso com o que creio”. E ainda questionou: “por que haveria de me pronunciar sobre candidaturas que ou são contra ou não se definem sobre temas que prezo para o país e o povo”?

Na contramão dos dois, o candidato ao governo de São Paulo, João Doria (PSDB), externou, em entrevista coletiva, que apoiará Jair Bolsonaro.

A candidata a vice-presidente na chapa de Geraldo Alckmin, Ana Amélia (PP) foi outra se manifestar em favor do capitão. Pelo Twitter, a senadora escreveu: “será uma ameaça à democracia e, especialmente, à Lava Jato! Por essas razões, seguirei a decisão do PP/RS, apoiando no segundo turno a candidatura de Jair Bolsonaro à Presidência da República!”

O PSDB ainda não manifestou posicionamento oficial sobre o segundo turno da corrida presidencial.

Recomendado para você

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *