Ancoradouro

Mortes Macabras em Fortaleza

Os rituais de magia negra com sacrifício humano estão cada vez mais comuns em pleno século XXI. Em Fortaleza, a partir de julho de 2009 uma série de crimes  apresentaram os indícios de terem acontecidos no culto ao diabo.

Assim noticia o portal  Jangadeiro: “As vítimas foram sequestradas, levadas para locais ermos – como encruzilhadas, matagais e estradas de terra em pontos desabitados – e mortas a facadas e tiros, além de serem submetidas a abusos sexuais.

Conforme apurações da Polícia, os assassinos ainda filmaram os crimes e exibiram as imagens em rituais de Umbanda, em terreiros no bairro Bom Jardim.

A Carta
Uma prova reveladora chegou às mãos das autoridades na semana passada e apresenta dados precisos sobre os assassinatos, indicação de nomes das vítimas e até dos locais das execuções. Pelo menos sete assassinatos foram citados na carta.

O representante da Associação Espírita de Umbanda São Miguel, Miguel Ferreira, disse que muitas pessoas já deixaram de frequentar os terreiros com medo de serem assassinadas e que das 12 listadas para morrer, apenas duas estão ainda vivas. Ainda de acordo com Miguel, “o que dizem é que tem cem pessoas para ser mortas em sacrifício”.

A carta revela, também, que o mesmo grupo que vem cometendo os assassinatos também é o responsável pela violação de túmulos nos cemitérios de Fortaleza. De lá, os criminosos retiram os restos mortais humanos utilizados nos rituais de magia negra”.

Recomendado para você

Nenhum comentário

  • eliane disse:

    – Isso é muito triste!
    – Em saber que o ser Humano estar desse geito!
    – Se eles pensam que estão agradando a Deus com esses atos. Estão muito enganados! Deus detesta esse tipo de coisas. Isso é abominável aos olhos do senhor!
    – É muito triste!

\

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *