Ancoradouro

Não salvo, nossa senhorita, jesus manero e outros zombeteiros da fé

imagem de nossa senhorita

A internet popularizou muitos operadores de mídia entre eles humoristas. As redes sociais em especial lançaram personalidades que de qualquer assunto são capazes de tornar piada, mesmo temas que envolvam mortes, acidentes e religião.

Este último agrega uma verdadeira legião. É incontável o número de pessoas que fazem piada com temas relacionados à fé, especialmente cristãos e católicos.  O feito deve se justificar pela audiência que repercute a cada piada, a cada imagem inusitada e tirada com duplo sentido.

Bento XVI em sua mensagem sobre as comunicações sociais deste ano afirma algo importante. Parafraseando o papa ele fala que nem sempre o que mais se repercute na era digital seja sinônimo de bondade.  Nisso se pode concordar plenamente com o bispo de Roma.

Rafael Bastos, por exemplo, foi considerado a pessoa mais influente no microblog twitter pelo New York Time, isto pela quantidade impressionante de seguidores. O título rendeu ao tuiteiro um crescimento na conta bancária pois começou a cobrar por alguns tweets de propagandas. Mas fato é que o twitter de Rafinha como é conhecido em pouco ou nada acrescenta à formação de opinião. É um humorista, desta linha nova, que faz piada até com mulher estuprada, verdadeiro absurdo.

Outros anônimos tornaram-se celebridades na internet só às custas de zombeteiros comentários com assuntos religiosos. Parece ingênuos, mas não são. Ingênuos são quem replicam as piadas de mau gosto destes perfis sem o mínimo de crítica.

O objetivo do pôst não apregoar um moralismo sisudo que repele o humor. De forma alguma. Os próprios santos da igreja e pessoas de elevada espiritualidade têm como característica o bom humor, a fineza em tiradas inteligentes e pertinentes. O que não é o caso de quem está por trás de perfis como o jesus manero, nossa senhorita e não salvo. Outros tantos poderiam ser acrescidos à listas.

Eu já bloqueei um “bocado” de engraçadinho que em postagens, tweets e imagens desdenham da fé, de temas e certezas que para mim são sagradas. O relativismo não pode por em cheque o valor daquilo que é metafísico.

A quem interessar que continue seguindo e dando audiência a quem ridiculariza objetos, falas e temas sagrados. Eu, não.

Nenhum comentário

  • Caro Vanderlúcio,

    Muito boa sua colocação.
    É verdade que nem tudo que agrada aos sentidos, agrada a alma.
    E muitos se perdem neste caminho. Banalizam o sagrado ou simplesmente o reduzem a uma ridícula piada, ou charge, ou propaganda. E o que é pior: a quem aplauda, escute e dê audiência.

    Rezemos e tenhamos uma postura de autênticos cristãos.

    Deus o abençoe!

    Fabiano, Marta e Tobias

  • Ryllder disse:

    “o relativismo não pode por em xeque o metafísico”. Esse cidadão que escreveu essa tolice talvez não saiba que só podemos falar com propriedade do que é físico.O resto é crença e ilusão.

  • CLEBER AMORIM disse:

    Gostei muito do seu comentario!!!Devemos estar sempre atentos a este tipo de coisa,a sua indignaçao e muito valida!Abraço

  • Antonio disse:

    Sr. “RYLLDER” PARABENS !!!
    Fiquei impressionado com a sua colocação de que “só podemos falar com propriedade do que é FÍSICO”. Isso faz a gente parar…
    Estes questionamentos, “terrenos ou espaciais” são uma espécie de armadilha que param as mentes apressadas que passam por estes blogs… Isso faz as pessoas pensarem… e pensar nos faz parar. Pensei: se foi esta a sua intenção o sr. não poderia ser catologado como mais um “non-sense” e admitiria que EU caí na armadilha.
    Porém, se o SR. ACREDITA NO QUE FALOU e a coisa foi séria… fiquei pensando … e agora, para não pensar que este sr. é louco o que faço ? – Veja-se: ele, baseado em “seu pensamento” e “suas idéias” (que são realidades NÃO FÍSICAS, e/ou metafísicas) …fala, por esta sua colocação, que o pensamento não existe porque não é físico (afinal, nunca o tocou) e, no entanto, se acha tão seguro “pensando nesta colocação que fez”, mesmo se contradizendo, e, com tanta crença no que falou… não dá para ir adiante pensando quando não se acredita que o pensamento, realidade NÃO-FISICA, não existe….! – Tem uma saída: vamos, cantar – “tá todo mundo doido ôba…… tá todo mundo doido ôba……

  • Rodrigo disse:

    O Chico Bento XVI deveria esquecer as redes sociais e se preocupar com a pedofilia na Igreja, incluindo a pedofilia no meio virtual.

  • Bertrand disse:

    Sr. “Rodrigo”, (este não é o seu nome…)
    Bem reveladora esta sua frase…apesar de tão curta. Ela traz uma carga de revolta e julgamento, envelopada é claro, exteriormente, por um indisfarçável tom de justiça. É bem típico e conhecido na psicanálise este comportamento/ disfarce, ou seja,…. tem coisa reprimida e embutida por aí… pois já está “saindo pela boca”.
    A psicanálise freudiana dá uma ajuda no auto-conhecimento e identificação das pessoas diante de suas reações frente ao tema da sexualidade… Você deixou “escapar-se” através do seu “mecanismo de projeção”… isso é fato. Porque essa “sua” fixação na pedofilia ? Se faça esta pergunta, viu ? A análise ajuda muito as pessoas a se conhecerem mostrando através deste mecanismo que “projeta-se no mundo e nas pessoas aquilo que o coração consciência está cheio”. Percebe-se logo rapaz… Não se FIXE nisso, tem saida. Enquanto ficar com o seu interior carregado disso não perceberá que existe outra forma de ver o mundo que não seja pelo filtro do sexo e seus desvios, entende ? De coração, aceite este conselho e seja feliz.

  • Livia Anny Cozta Figueira disse:

    Gostei muito da tua reflexão.. Brincadeira ou não mas tem que ser algo dosado…e não vulgarizado.. cm cristã, faço minhas as suas palavras..

  • Ivan disse:

    Só pra mostrar o quão equivocado você está com algumas informações:

    Escrevi um livro em abril e tive a sorte de me encontrar pessoalmente com o Rafinha Bastos. Entreguei uma cópia pra ele e, sem cobrar ABSOLUTAMENTE NADA, ele resolveu tuitar falando bem do meu livro em seu perfil.

    E isso bem depois de já ter sido considerado a personalidade mais influente do twitter.

  • @juninho1411 disse:

    Olha só, me surpreendem pessoas como Vanderlucio Souza. Se diz Cristão, se mostra evoluido por desfazer destes tipos de perfis, mas isso em nada mostra sua prática de fé cristã, pelo contratio, no decorrer do texto se mostra indignado, desrespeita o próximo sendo que Jesus Cristo ensinou exatamente o contrário. Se realmente acha que estes perfis são ridiculos, apenas ignore, em vez de ficar “apedrejando” tudo que não lhe for de agrado. Mesmo que isso realmente vá contra a Fé e outros Principios, creio que o respeito é fundamental.

  • Laura disse:

    Concordo que com a fé dos outros não se brinca. O que pode ser importante para uns pode não ter valor nenhum para outros. O seu blog por exemplo não tem valor nenhum para mim, mas eu não saio falando pela internet o quanto ele me desagrada. Se você quer ser um usuário desse tipo de mídia, você precisa se acostumar com a diversidade. Cada um lê o que quer, quando quer e aonde quer. Seu Deus pode não representar nada para alguns.

\

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

10 − 8 =