Blog do Leão

Guarani 2×2 Fortaleza – Faltou chuva, São José!

149 35
Deu empate no confronto de Leões em Iguatu. Foto: Agência Miséria

Deu empate no confronto de Leões em Iguatu. Foto: Agência Miséria

Caros tricolores, a bola rolou ( ou quicou, se preferirem) mais uma vez pelo estadual. O Fortaleza foi a Iguatu enfrentar o Guarani de Juazeiro. Conseguiu se manter invicto, é verdade. Mas o empate em 2×2 não agradou a boa parte da torcida que foi ao Agenorzão, que esperava uma chuvinha pra abençoar a tarde e uma vitória do Leão.
O gramado duro não deixou que a posse de bola, ponto forte do time de Chamusca, fosse o fator diferencial. A troca de passes ficou complicada de se executar. Uma chuvinha talvez tivesse ajudado aí também.
O gol de Robert deu a falsa impressão de jogo fácil, mas foi como um trovão que anunciava uma chuva que não caiu. O Guaraju em 4 minutos mudou a história do jogo, e adivinhem como foram os gols. Pois é, assim mesmo, bola alta na área, zaga plantada, goleiro catando borboleta e rede balançando. Na verdade, esse deve ser o fator a ser trabalhado com bastante vigor pela nossa comissão técnica: a bola cruzada na nossa defesa.
Aí já viu, né? o time esquentou a cabeça e perdeu as rédeas do jogo, e nem caiu uma chuvinha pra esfriar a cuca da galera.
Somente no segundo tempo o time voltou a tomar a iniciativa do jogo com mais personalidade e fomos premiados com uma pintura de gol do baixinho Edinho que só faltou fazer chover na zaga rubronegra.
Vamos torcer para que estes pontos não façam falta mais na frente. Pelo menos acabou a peregrinação de jogos fora e permanecemos na liderança. A luta é árdua.

Vamos em frente! E vê se manda a chuva, São José!

Guarani 2×2 Fortaleza

Campeonato Cearense, 2ª fase/ 7ª Rodada
quarta-feira, 19 de março de 2014, às 16h00
LOCAL – Estádio Agenorzão, em Iguatu/CE
ÁRBITRO – Almeida Filho
ASSISTENTES – Thiago Brígido e Eleutério Marques
PÚBLICO – 1.694 pagantes (127 não pagantes)
RENDA – R$ 27.445,00
GOLS – Robert (FOR) 13min/1T, Roberto Baiano (GUA) 19min/1T, Domingos (GUA) 23min/1T,  Edinho (FOR) 20min/2T

GUARANI
Cley; Roberto Baiano (Gláuber 16min/2T), Lucas, Domingos e Thiaguinho; Lincoln, Marcinho Guerreiro (Bruno Pacatuba 42min/2T), William Carioca e Sadrak; Netinho e Henry Kanu (Éverton Felipe 40min/1T). Técnico: Maurílio Silva.

FORTALEZA
Luís Henrique; Tiago Cametá, Eduardo Luiz, Max Oliveira e Radar (Adalberto 26min/2T); Corrêa, Walfrido, Danilo Rios (Romarinho 15min/2T), Edinho e Marcelinho Paraíba (Diego Neves 35min/2T); Robert. Técnico: Marcelo Chamusca.

 

35 Comentários

  • Antonio Oliveira disse:

    Olha ai como um goleiro faz falta. O que este pegador de bola fez hoje, até em racha é difícil se ver. Já pensou se fosse o garoto Erivelton que tivesse praticado aquelas palhaçadas? Estaria queimado pra sempre. Ainda bem que o talentoso Edinho limpou a barra deste trapalhão. É por isso que não dou muita bola pra tal experiencia. Experiencia não joga bola. Quem joga bola é quem sabe. Este zagueirão Eduardo Luiz é ruizão tambem viu? Se não fosse o garoto Max sempre chegando ali abafando, o negocio estaria muito pior. Ainda acho que com o Alan ao lado do Max esta defesa melhoraria. Mas parece que a cota máxima é só quatro da base. Este pegador de bola ainda vai estragar a festa.

  • Antonio Oliveira disse:

    O padrinho deste Neves é muito forte, ou tem alguem pagando pra ele jogar. Pra quebrar a bola, basta o Robert. Aonde é que o tal neves joga mais do que o Uilian? E o Laerte não renderia mais do que o anêmico Rios? Sabemos que o nosso treinador entende de futebol. Mas por que ele insiste com estes dois.? Não já foi comprovado que não dá.

  • F. Sales disse:

    O time não jogou bem. É mais do q normal, mas, valeu a raça de alguns garotos, em especial o Edinho. Apesar dele prender demais a bola, ele é muito voluntarioso e faz um lindo gol, a lá Cloclô, q garantiu a invencibilidade. Foram tres jogos seguidos fora de casa e completamos o vigésimo quarto jogo sem perder.

  • K. Nascimento disse:

    Tomara que o chamusca largue de inventar e volte oEdinho para a meia e coloque o Waldison ou o Romarinho no ataque, pois escalar um só atacante de ofício no time tricolor nunca prosperou.

  • Fred disse:

    Eu não fui ao jogo, acompanhei pela TV, mas pelo o que vi, foi a pior partida do nosso time em 2014. Deu tudo errado; O MP-10 não jogou nada, esteve em uma tarde infeliz, e a exemplo dele muita gente não rendeu o que poderia render. Futebol feio,sem objetivo, o Robert fazendo gol, mas pra não fugir a regra perdendo gols incríveis, em fim, deu tudo errado. Não considero o empate um bom resultado, mas é melhor do que ter perdido o jogo. O Waldison está fazendo muita falta ao time, parece que esta contusão dele não tem mais fim, e o DM ainda veio a publico para dizer que seria apenas uma partida que ele ficaria de fora. De 09 pontos disputados fora de casa, 05 foram ganhos, eu acho uma média baixa. Diego Neves não tem condição de ser nem banco no FEC, quanto mais de jogar, melhor colocar um dos meninos da base. Não adianta chorar os gols perdidos, as jogadas infelizes, etc. é partir para a próxima partida, e de preferência eliminando os erros deste joguinho de ontem.

  • Robson disse:

    O Fortaleza EC não fez uma boa apresentação, deixou o adversário crescer demais depois que fez o primeiro gol com o Robert.

    Diego Neves mais uma vez teve e perdeu a bola do jogo, me pergunto até quando vai durar a paciência com ele.

    Precisamos fazer ajustes se quisermos mais do que apenas chegar à final desse estadual e sobretudo visando à série C do Brasileiro.

    Pelo menos nossa invencibilidade está intacta e a liderança mantida.

    Saudações Tricolores.

  • Robson disse:

    Não posso esquecer o golaço do Edinho, golaço, golaço, golaço.

    Essa base do Fortaleza EC é excepcional. Na hora em que esse garoto começar a ter mais regularidade no nível de suas apresentações teremos um jogador ainda mais decisivo.

    Saudações Tricolores.

  • João Ximenes disse:

    No intervalo do jogo:

    “O goleiro do FORTALEZA só pode é tá BÊBO !
    No primeiro gol ele pulou 10 metros enquanto o cara cabeçeou com 5 metros;
    No segundo o cara não pulou uma gilette, e ele(goleiro) era a própria gilette.
    O time não tá acionando o CAMETÁ que é a nossa melhor opção;
    MAX e EDUARDO tão mêi perdido hoje. Acho que é por conta da avenida que tá alí na frente deles.
    Tem um buraco no meio entre CORREA e WALFRIDO que tá tentando participar demais e tá esquecendo de marcar.
    RADAR não ajuda muito.
    PARAÍBA tenta girar o jogo, mas não achou ainda o CAMETÁ.
    EDINHO tá muito individualista. Precisa soltar mais a bola.
    RIOS vou nem comentar, pois ele já correu por uma semana. Mas não produz nada.
    ROBERT ao contrário dos outros jogos, fez gol antes de perder as oportunidades.

    FORTALEZA jogando essa mesma bola, vai acabar vencendo o jogo.
    Se conseguir apertar mais consciente, vai golear.
    Mas se, se abater como tava acontecendo nos finalmentes, pode se complicar.

    Time pra frente CHAMUSCA.
    Tira o RIOS e mete ROMARINHO.
    Manda o PARAÍBA acionar mais o CAMETÁ. Pra isso pede pro WALFRIDO ficar mais, que é pra cobrir a subida dele(Cametá).

    Vai dá !
    >>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>
    Deu ! mas não deu.
    Nosso goleiro não passou mais confiança pros jogadores que se perturbaram mais ainda;
    Em momento algum do jogo, acionamos nossa melhor opção que é o CAMETÁ;
    RADAR foi o Radar de sempre. Um ‘0’ a esquerda;
    MAX e EDUARDO ficaram de frente com o meio campo e ataque deles quase o jogo todo;
    CORREA tentava acertar as coisa, enquanto WALFRIDO saia muito, e ficava uma avenida no meio;
    PARAÍBA não achou CAMETÁ e ficou boiando feito “merda n’agua”. Pior jogo dele;
    EDINHO, como sempre, tentando resolver. E acabou resolvendo.
    ROBERT… melhor ele perder gols no inicio e fazer um no final, que fazer um de cara e ficar perdendo no resto do jogo;

    RIOS…,…,… o que dizer do RIOS !?
    Ontém pelo menos ele andou “chotiando” vez por outra; andou desarmando algumas vezes; interceptou alguns passes e de novo participou de 1 dos gols.
    Digamos que ele correu por um mês inteiro.
    EU, não insistia com ele não.

    CHAMUSCA:
    a) Demorou meter ROMARINHO no jogo;
    b) Não conseguiu enxergar que

  • João Ximenes disse:

    Deu um “tilte” aqui.

    CONTINUANDO:

    CHAMUSCA
    b) conseguiu enxergar que WALFRIDO tava se mandando de mais no primeiro tempo e segurou mais ele no segundo;
    c) não pediu pro PARAÍBA(que tava mal) acionar o CAMETÁ que é nossa melhor opção;
    d) insistiu nas jogadas pelo lado esquerdo com RADAR que fede mais que cheira;
    e) mandou que EDINHO soltasse mais a bola no segundo tempo. Só segurou na hora daquele gol que pagou ingresso.
    f) virou o jogo com o RIOS quando deveria ter entrado com ROMARINHO de cara;
    g) meteu, “de novo” o NEVES, e pra azar dele, a bola do jogo, “de novo” sobrou no pé dele, que fez o que fez;
    h) isolou demais o ROBERT.

    Por fim…
    FORTALEZA ficou de lampejo o jogo inteiro e quase se complica.
    Quase não… SE COMPLICOU !

    Só me resta INSISTIR com aquele BORDÃO…

    TRAGAM MAIS GENTE PRA AJUDAR QUE A CZONA TÁ BEM AÍ !

  • Carlos Cavalcante disse:

    Não acompanhei o jogo ao vivo, mas pelos noticiários parece que houve falha do goleiro.

    Só espero que essas falhas parem aqui, pq desde o início do campeonato nenhum goleiro contratado passou confiança para o torcedor, mas a Diretoria fez ouvidos de mercador.

    Saudações Tricolores!!

  • Fabiano Campelo disse:

    Precisamos de um goleiro URGENTE! Que fazer gol no leão? É so levantar a bola na area, até o Clodoaldo com 1,20m de altura faz gol de cabeça naquela zaga. Sinistro.

  • XAVIER disse:

    Leão não jogou nada, mesmo assim teve forças para evitar a derrota. Isso é bom sinal. Time quando está pra ser campeão, mesmo não jogando bem não perde. Tomamos dois gols de bola parada. Nossa zaga bateu cabeça e o goleirão errou no primeiro e repetiu o erro dois minutos depois no segundo gol. É dose! Agora tá na casa do sem jeito,temos que ir com esses goleiros até o final do cearense. Paraíba totalmente desligado, dispersivo, com muito preciosismo nos toques e nenhuma enfiada de bola pros atacantes. Não aproveitou nenhuma bola parada. Rios é fisicamente muito fraco. Não ganha uma dividida e os chutes dele só dão cartaz aos goleiros. Deve ser descartado para dar lugar ao Guto, que pelo menos tem mais garra. Meio de campo para o restante do cearense deveria ser: Corrêa, Guto, Edinho e Paraíba; Ataque Waldison e Robert. A defesa deve ser mudada também, saindo o goleiro e o zagueiro central Eduardo Luiz, que perde quase todas bolas aéreas, apesar de ser grandão.
    Vamos pra frente!

  • João Ximenes disse:

    E DEPOIS DO JOGO:

    FALA ROBERT:
    “É sempre bom ter esse reconhecimento da torcida. Tenho me empenhado ao máximo e os gols estão acontecendo. Fico contente em estar fazendo história. Agora é focar no próximo jogo, que também vai ser muito difícil”.
    “O lado positivo foi que mantivemos a invencibilidade. É sempre difícil jogar contra essas equipes consideradas menores, que se doam ao máximo. Só temos que ter mais atenção com a bola parada, pois estamos tomando muitos gols dessa forma. Temos que corrigir isso nessa reta final. Não podemos sofrer mais com esse tipo de situação”,

    E aí chamusca:
    “Não quero ficar botando desculpa apenas no gramado, mas não existe a mínima condição de se marcar um jogo oficial para um campo como esse. O estádio é bom, mas o piso é irregular e prejudica a prática do futebol. Nós sentimos e acho que o Guarani também sentiu”.
    Dois outros fatores intrigaram o treinador: o primeiro deles foi o de que, na sua opinião, o Leão teve tudo para definir o jogo ainda no primeiro tempo, quando desperdiçou várias chances, permitindo a reação do adversário na segunda etapa. Em segundo lugar, para ele, sua equipe sofreu dois gols com as mesmas características: duas bolas levantadas na área para cabeceios dos rivais. “Ainda vou rever o lance para saber onde foi que erramos no mesmo tipo de jogada”, avisou.
    >>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>
    Os dois estão certos quando dos gols sofridos.
    2 gols da forma que foi, hoje no futebol, é inaceitável.

    Já que aconteceu a falha nos gols, e pra não atribuir o erro só para o LUIS HENRIQUE(que falhou feio), 2 perguntas que não querem calar:

    1. E a zaga ? no primeiro gol o cara pegou lá em cima. No segundo pegou lá embaixo. Até onde o posicionamento dos zagueiros contribuiu com a falha do goleiro ?

    2. E o novo contratado ? será que será a solução ?

    Nome: Genilson Ventura Mendes de Oliveira
    Posição: Zagueiro
    Data de nascimento: 27/10/1990
    Altura: 1.83m – Peso: 78Kg
    Clubes: Tigres/RJ, Vasco da Gama/RJ, Duque de Caxias/RJ, Boa Vista/RJ e Potiguar/RN
    Ainda precisamos de mais 1 ZAGUEIRO; 1 VOLANTE; 2 MEIAS e 2 ATACANTES

    Com a palavra o CHAMUSCA.

  • Ramiro Ripardo disse:

    Já falei e volto a repetir, sempre tomamos gols em bolas altas, pelo lado esquerdo de nossa defesa, o Robert era para sempre estar ali. Outra que eu e muitos falamos faz anos, não contrataram goleiro de qualidade, todo time tem um bom goleiro, mais não sei ique é isso que não conseguem contratar um goleiro que preste, tomara que esse não ponha tudo a perder… mais uma vez. Tudo bem que o gramado é muito ruim, mas também o time não jogou nada, Marcelinho a alguns jogos não vem jogando nada. Agora aquele Diego Neves é brincadeira, como é que um treinador que vem se saindo bem não consegue ver isso?

  • Antonio Oliveira disse:

    já falei caro Ramiro. Ou o padrinho dele é forte, ou tem alguem pagando pra ele jogar. Pois nosso treinador já mostrou que entende de futebol.

  • valterlan disse:

    Estava lá em Iguatu, e confesso o FEC deu raiva com aquele futebol horrivel que praticou no jogo de ontem, dois gols bobos com falha do goleiro, e quando empatamos eu pensei que iriamos virar o jogo, que nada voltou com a mesma moleza e sonolencia que foi caracteristica desse jogo pelo lado tricolor, espero que se recuperem diante do Guarasol, que vai ser um jogo para decidir a liderança do campeonato.

  • sheila disse:

    Belo Horizonte, MG, 23 (AFI) – O Cruzeiro sofreu mais uma derrota nesta terça-feira (2010) no Tribunal de Justiça Desportiva (TJD) de Minas Gerais. Depois de o órgão penalizar o time com a perda de três pontos no Campeonato Mineiro, o próprio TJD aumentou a pena para seis pontos. Tudo por causa da presença de Wellington Paulista no banco de reservas na goleada por 6 a 0 sobre o Uberlândia, pela primeira rodada. Na estreia do Cruzeiro pelo Estadual, o atacante foi relacionado para a partida no Mineirão. No entanto, Wellington Paulista sequer entrou no jogo. Mesmo assim, ele não poderia ficar no banco porque foi expulso no segundo confronto da final de 2009, no empate por 1 a 1 diante do Atlético-MG. Assim, teria de cumprir suspensão na primeira rodada deste ano. Apesar da punição, o Cruzeiro ainda não perdeu os pontos na tabela. Isso porque a Federação Mineira de Futebol (FMF) garantiu que só confirmará a pena quando o caso for encerrado no TJD – o Cruzeiro já recorreu da primeira punição. A decisão, porém, tem que acontecer até o fim da primeira fase para que sejam definidos os confrontos das quartas de final.

  • Amaury disse:

    Não apenas o goleiro falhou, o erro foi coletivo, no primeiro gol o atacante estava no meio de quatro zagueiros com o goleiro atarantado, no segundo foi pior mais um erro absurdo um baixinho fuzilou de cabeça no meio de toda a defesa tricolor, inaceitável. Mas temos goleiro sim. Erivélton jogou as duas primeiras, foi bem e nunca mais teve chance. Tem estatura, sai bem e é seguro por baixo. Falta peito ao Chamusca e só. O empate foi um maná dos céus, ufa, pior jogo do ano.

  • edu alves de melo disse:

    isto me faz lembrar que o ceará também sofrerá punição do tribunal de justiça referente ao
    caso assisinho, mais um traidor

  • K. Nascimento disse:

    O Horizonte sobre o Fluminense carioca por 3 X 1, com gols do DICO e do MACIEL, além do Jajá. E pensar que a dupla DICO(torcedor do Fortaleza) e MACIEL estavam no Pici em 2013 e não foram utilizados e nem mantidos para a temporada de 2014. Temos outros bons atacantes como o Netinho do Guaraju, o André Cassaco, além de bons jogadores, cujo exemplo do Jajá e alguns do Guarasol, mas a visão curta a nível local mira no longínquo Rio Grande do Sul para trazer aposta do Grêmio, o qual, se vier a se destacar no Fortaleza será mero produto da barriga de aluguel em que se tenta transformar o Rei Leão do Brasil. Sou mais o Uilian do que o Paulinho, um simples aposta. O goleiro Erivelton(nascido em 1992) tivesse sido mantido, com certeza hoje estaria no mesmo patamar de titularidade do Valfrido, Max Oliveira, Edinho(Existe o Max goleiro da base, nascido em 1993 e também melhor do que os goleiros de empresários Luis Henrique e o Ricardo). O mesmo teria acontecido com o atacante de ofício Romarinho se o treinador viesse utilizando-o(o Romarinho já vez gol da vitória no último minuto), ao invés de querer inventar o bom meia Edinho como atacante, para escalar esse insosso Danilo Rios, jogador de empresário. A insistência com o absolutamente inútil Diego Neves(não presta nem para o banco de reservas), quando o jovem atacante Uilian já mostrou qualidades suficientes para irradiar esperanças, é uma faceta da incongruência do treinador Marcelo Chamusca, assim como também o foi a atitude dele em preterir goleiro Erivelton para teimar com os 2 goleiros frangueiros Luis Henrique e Ricardo. Conhecimentos da profissão, o Chamusca os tem, porém a invenção do Edinho como atacante, com a disponibilidade do atacante de origem Romarinho como reserva e a substituição indevida do goleiro Erivelton, posto que nunca comprometeu, são pecados injustificáveis do dito técnico, Erros crassos do limitado rei do acesso Luis Carlos Martins fez o Fortaleza naufragar numa classificação praticamente assegurada contra o Sampaio Corrêa, face a ilusória crença de que críticas, embora reais, tumultuarão o ambiente. Não vai adiantar muito se dizer que o Chamusca é o “cara”, caso não ganhe o manjadinho e o acesso à série B. Quem sente saudades do brucutu Esley, por muitos considerado equivocadamente como insubstituível. Sou Fortaleza e o clube tem que sempre blindado de mazelas. Cultuo somente a instituição Fortaleza e jamais vou escurecer a realidade e depois lamentar não ter manifestado-me de acordo com a minha convicção, só para não desagradar a quem quer que seja. Defendo o prestígio e a utilização de jogadores da base, conterrâneos da nossa região. Devido esses deslizes do Chamusca, o Fortaleza acha-se com apenas 2 pontos a mais do que o Guarany e isso significa que a liderança poderá ser superada pelo Guarany, não obstante a larga vantagem. O Waldinson, que alguns os tinha como apenas esforçado, hoje tem a ausência sentida profundamente.

  • Fred disse:

    Sheila:
    Se o TJDF do nosso futebol tiver o minimo de pudor e de honestidade, não precisa ser muita coisa não basta um pouquinho o time das cores de defunto perde esta causa, e será apenado com a perca de 4 pontos ou até mais que isto. Só na cabeça de uma adcogado que quer confundir a cabeça dos mais desavisados, que suspensão automática é a mesma coisa que suspensão disciplinar. A pena da cesta basica serviu como punição para não cumprir a suspensão disciplinar, mas a suspensão automatica tem que ser cumprida, o nome já diz: a-u-t-o-m-á-t-i-c-a. Então eu creio que a lei não deixe margem nenhuma a duvida. O melhor jogador do time da Croácia não poderá jogar a partida de estreia da Copa, devido a ter sido expulso no ultimo jogo das eliminatórias, e ter que cumprir a automática. Porém em se tratando de STDJ e time das cores mortas, tudo é possivel; Quer imoralidade maior do que o “penta” fajuto, dsiputado no tempo da bola de pito, que eles ganharam?

  • Amaury disse:

    Está na hora de darmos oportunidade a Genilson, é um excelente zagueiro e pode fazer boa dupla com Max. Não entendo como não dão chance ao garoto William, sem dúvida melhor que Diego Neves. O posicionamento dos laterais precisa ser corrigido, Cametá é bem cobertyo na direita mas Fernandinho ou Radar sobem, e por ali todos fazem a festa, resultando em cruzamentos fatais na área por a defesa estar se recompondo quando deveria estar sempre atenta já que o time ataca muito pelos flancos. Um dos volantes tem de fazer isto, Guto faz bem pela direita, mas ninguém cobre a esquerda, algo visível.

  • João Ximenes disse:

    CATADA:

    “Eu estou preparado. Já estava treinando, estou em condições de jogo e se precisar eu estou aí. Ouvi comentários que o professor dá bastante oportunidade para os garotos e se ele quiser me utilizar eu estou aqui para ajudar”.
    “Eu fiquei sabendo em cima da hora. Meu empresário me ligou e surgiu essa oportunidade de vir para o Fortaleza. Muitos jogadores me apoiaram pra vir porque aqui é um grande clube, de grande torcida. Falaram para me esforçar e ajudar o FORTALEZA a conquistar o Estadual e subir para a Série B”.

    Atacante PAULINHO de 19 anos já está regularizado e vem treinando com o restante do elenco.
    >>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>
    Como já falei antes.
    Pela foto não deu pra identificar direito. Mas se for o mesmo PAULINHO que tenho em mente, esse “CABA” vai arrebentar.
    É novo; parte pra cima sem medo de cara feia e chega pra definir. Tipo o ROMARINHO que também não tem medo de seu ninguém.
    A diferença dos dois é que ele(Paulinho) já pegou mais jogos cascudos em clubes e ao lado de jogadores passados na casca do alho. Portanto, pode mostrar um desempenho melhor.

    Hoje temos: WALDSON(machucando-se muito), ROBERT(jogando. Perdendo gols mas fazendo também. É o artilheiro do Brasil); ROMARINHO(que tem a mesma idade dele – Paulinho -, e vem sendo usado vez por outra), além do menino UILIAN e SÓ.

    O resto… PODE BUTAR NUM SACO. AMARRAR. E JOGAR NO RIO COCÓ.

    Ainda precisamos;

    GOLEIRO vou nem falar pois não precisa. Ninguém é cego;
    1 ZAGUEIRO pra melhorar o desempenho nas bolas aéreas;
    1 VOLANTE mais cascudo. Tipo o CORREA;
    2 MEIO CAMPO pra ajudar EDINHO e PARAÍBA, pois os outros, pode jogar naquele saco citado acima.
    E mais 1 ATACANTE de área pra fazer sombra pro ROBERT, que apesar de ser o artilheiro do time e do Brasil, precisa melhorar o seu aproveitamento;
    Nada melhor que uma boa sombra pra isso.

    Czona tá bem aí !
    É importante que essas peças já estejam trabalhando antes de iniciar a competição, que é pra estarem no ritmo dos demais, além de não dá a impressão de tar-mos montando um time dentro dela(competição).

    FALTA DE AVISO NÃO TÁ SENDO !

    PEDE LOGO CHAMUSCA.
    Não coloca em risco o teu trabalho até agora.

  • Fred disse:

    Vejam só o que eu li hoje em certo jornal da cidade; Dos cinco gols que tomamos nesta fase do campeonato, um foi de penalti e quatro froam de bolas levantadas na area.
    Será que tem alguma coisa de errado nisto?

  • K. Nascimento disse:

    O Chamusca ainda não ganhou nada. Mas cuidou de cometer a asneira de escalar um só atacante de ofício. Ora, a zaga falhou, porém tivesse dois atacantes natos, o gol vitória seria mais provável. Agora, a liderança que era folgada, acha-se ameaçada pelo Guarany é o time do ciará. Vejamos se o treinador vai teimar com apenas um atacante de origem. É comum treinador ter chance em clube grande e a desperdiçar com atos de asnice, segundo vem acontecendo com o Chamusca em escalar o time tricolor com somente um atacante de ofício, da do chance a um jogador lerdo como o Danilo Rios e tolhendo o desempenho do meia Edinho em sua real posição. Acorda, treinador, senão você poderá chamuscar-se literalmente.

  • K. Nascimento disse:

    O setorista Everaldo Baima informa que o time será: Luis Henrique; Tiago Cametá, Eduardo Luis, Max Oliveira e Adalberto; Guto, Walfrido, Edinho e Marcelinho Paraíba; Robert e Romarinho. Veja-se se não era verdade o equívoco do treinador Chamusca em comportar-se como o professor pardal, isto é, inventando uma escalação com um só atacante ofício. O Chamusca errou ainda em manter esse frangueiro do goleiro Luis Henrique, vez que deveria escalar o goleiro Erivelton, o qual nunca comprometeu e atuou no pior momento, qual seja, na estreia e jogos seguintes e foi sacado sem haver claudicado em momento algum. De 10 torcedores tricolores, 9 preferem o Erivelton.

  • K. Nascimento disse:

    O Diego Neves já mostrou que não tem a menor condição de vestir o manto sagrado tricolor. Então, de que adianta insistir com esse rodado perna de pau inútil, dispensado do modesto Confiança-SE, como pontua o companheiro Antônio Oliveira, POR DEFICIÊNCIA TÉCNICA, mesmo no banco de reservas. Se o limitadíssimo Diego Neves não presta para o manjadinho, para a série C será uma completa inutilidade. Manda assim o bom senso que o jovem atacante Uilian, melhor do que Diego Neves, deveria ir no banco, com entrada no decorrer das partidas, posto que promete. Também tem zagueiro da base com mais condições técnica do que esse Eduardo Luis. O Fortaleza não pode esquecer da preparação para a Série C, a qual terá início no dia 27 de abril. Acorda diretoria, para não repetir os crassos erros dos últimos 3 anos. Nada é pior do que “engenheiro de obra acabada”.

  • K. Nascimento disse:

    Outra invenção: o Adalberto, vez que na base existe lateral esquerdo de ofício. Inventar o Adalberto, que não tem essas qualidades todas nem na posição de origem dele e isso é verdade, seria titular na zaga. O treinador tem a chance em um clube grande como o Fortaleza e ai começa a ser idolatrado e pensa que é o maioral, então desperdiça a oportunidade de se firmar e causa prejuízos ao clube, como o foi o Nedo Xavier, o tal do rei do acesso Luiz Carlos Martins. O maior defeito da diretoria tricolor é ausência de forte personalidade do presidente, dai lhe faltando o pulso forte e o treinador, pensando que já ganhou alguma coisa, começa o seu laboratório, ou seja, inventar também o Adalberto de lateral esquerdo, quando ele não tem futebol nem para se firmar na titularidade da zaga, sua posição de origem. Engenheiro de obra acabada?

  • sheila disse:

    _ Agora veja o último julgamento Fred: “25 de março de 2010 | 15h 29 (AE – Agencia Estado). O Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) confirmou a decisão de não tirar seis pontos do Cruzeiro, nesta quinta-feira, pela escalação do atacante Wellington Paulista na rodada de estreia do Campeonato Mineiro. Antes do STJD confirmar a decisão, agora definitiva, o clube já havia ganho a causa no Pleno Tribunal de Justiça Desportiva de Minas Gerais. A procuradoria, no entanto, recorreu e obrigou novo julgamento. Wellington Paulista foi expulso no segundo jogo da final do Campeonato Mineiro no ano passado. Conforme prevê o artigo 171 do Código Brasileiro de Justiça Desportiva (CBJD), o Cruzeiro converteu a suspensão automática em medida de assistência social. No caso, a doação de cinco cestas básicas. Mas a procuradoria recorreu e pediu a perda de seis pontos. Em sua defesa nesta quinta-feira, o Cruzeiro citou o caso do zagueiro Rafael Marques, do Grêmio, semelhante ao de Wellington Paulista. O clube gaúcho pôde escalar o jogador, expulso na última partida do Campeonato Gaúcho de 2009, na primeira rodada deste ano”.

  • sheila disse:

    _ Veja outro caso: “Jurídico do Grêmio libera Rafael Marques para estreia no Gauchão Extraído de: Clicrbs.com.br Janeiro 12, 2010 Jogador que teria que cumprir suspensão por expulsão no Gre-Nal do ano passado pode enfrentar o Pelotas O zagueiro Rafael Marques está liberado e poderá enfrentar o Pelotas na estreia do Grêmio no Gauchão , domingo, diante do Pelotas , no Estádio da Boca do Lobo. Como foi expulso no clássico Gre-Nal . última partida da equipe no campeonato do ano passado , o atleta teria que cumprir suspensão automática no primeiro jogo de 2010. No entanto, o departamento jurídico do clube conseguiu dispensar o jogador da punição.
    – Já havíamos deixado um despacho no final do ano passado com o TJD. Como ocorreram os feriados, os períodos de festa, só agora que conseguiram ver nosso caso. Está tudo certo agora – garantiu Cláudio Baptista, integrante do departamento jurídico do Grêmio. Com a liberação, Rafael Marques deve formar a dupla de zaga do time titular ao lado de Réver, já que Mário Fernandes deve ser usado na lateral-direita no início desta temporada”.
    CLICESPORTES
    Autor: Vinicius Rebello vinicius.rebello@rbsonline.com.br

  • Antonio Oliveira disse:

    Mas caro K. Nascimento! A cota é somente quatro da base. Já fizeram muito em deixar ele usar estes quatros. Só quem não entende, ou não quer entender que o nosso time é mandado por empresários. Acho que quem tem bom senso, já notou que estes garotos da base só estão jogando por causa da pressão da torcida que já faz vários anos que pede a escalação de jogadores da base e tambem da região não é? Ano passado contrataram uns daqui da terrinha, Mas usaram? Viram os gols que Dico e Maciel marcaram no jogo contra o timão da imprensa, o grande Fluminense? Aqueles gols é de quem sabe. Mas no Fortaleza não eram escalados por que a vaga era dos jogadores dos empresários. Nós torcedores, só somos lembrados, ou só servimos pra pagar ingressos. Quando não comparecemos aos jogos, ai somos lembrados.

  • Antonio Oliveira disse:

    Estão falando que teve novamente o apito amigo no jogo de ontem contra o Guarasol. No primeiro jogo lá em Sobral, já sabemos como foi. Estão repetindo o mesmo do ano passado. Por que não fazem logo o óbvio? Deixem aquele time jogar só os dois jogos finais. Dá vergonha! É desse jeito que aparece os pentas da vida.

  • K. Nascimento disse:

    Nesse mesmo Jornal O Povo, consta declaração atribuída ao ruindade Robert ”
    – Vou ficar muito contente se for (contratado por) um time de Série A. Tive um 2012 conturbado, com lesões. Depois fui para o México, aí o pessoal me esqueceu. Agora que estou bem preparado fisicamente, estou em condições de estar em um clube de primeira divisão.” Eita jogadorzinho(egresso do canal, donde foi dispensado por deficiência) de mentalidade alienada é esse Robert. O cara não tinha mais mercado para jogar e veio para o Fortaleza e sempre quebra a bola. Não faz 10% das chances que lhes são dadas de mão beijada. Mas, essa de se achar de nível de seleção nacional é uma piada. Outra imbecilidade desse sofrível atacante é acreditar que vai jogar no Palmeiras, Cruzeiro, etc. É por essa e tantas outras idiotices de jogadores velhos decadentes que me apego na realidade de que os jogadores formado na base e os do nosso Estado, como Dico, Maciel, André Cassaco, Netinho, etc, são soluções efetivas e de baixo custo. Para quem achar ruim a minha crítica ao Robert, basta ler que ele chama o Fortaleza de time da 3ª divisão(o Fortaleza não é da 3ª, apenas se encontra eventualmente nela) “Com menos de três meses para a Copa do Mundo do Brasil, o goleador do Fortaleza lamenta a improbabilidade de disputar o Mundial. Ele, no entanto, garante que teria potencial para vestir a camisa da Seleção, alegando que, se não é convocado, é porque joga por um clube da Série C do Brasileirão.” E tem mais: uma coisa é fazer gols nos times do manjadinho, outra diferente é em competições nacionais). Mesmo não acreditando na sinceridade, como então frisei, prefiro a declaração do Marcelinho Paraíba(nascido na querida e valente Paraíba) quando aqui chegou ao dizer que recebera proposta de time da 1ª divisão, porém preferiu vir para o Fortaleza como um desafio a levar o clube tricolor ao acesso à série C. Será se o limitado Robert está achando-se o maior atacante em face daquele gol feito na pseudo seleção do nordeste, o também limitado ciará, quando a jogada magistral foi do jovem volante Walfrido e o gol deste não se completou devido o acaso. O Fortaleza tem fraquejado no momentos decisivos em virtude desse tipo de jogador de fértil mentalidade. Em termos de qualidade técnica, a diferença do Robert para o Diego Neves são os gols feitos, todavia com a perda inacreditável de muitas e muitas oportunidades. Ficar a mercê de um atacante com delírios como esse Robert poderá ser fatal. Urge a contratação de um outro atacante para a série C, na qual o Rei Leão do Brasil estreará no dia 27 de abril vindouro. Não confundamos o manjadinho com a competitiva série C. Não sou e nunca haverei de ser engenheiro de obra acabada.

  • Ramiro Ripardo disse:

    Muito esquisito, no clássico quando Robert fez o segundo gol, aquele grupo de comunicação, que sabemos como funciona, mostrou em todos os ângulos que Robert estava impedido. Mas já nesse impedimento escandaloso que favoreceu seu protegido contra o Guarasol, só disseram que o gol foi duvidoso. A política no Brasil prevalece e é nojenta.

  • K. Nascimento disse:

    Essa é a utilizadade do iPhone. Como vinha sustentando, eis a importância do atacante de ofício, trazida no gol do Romarinho contra o Guarany.

\

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

4 × cinco =