Blog do Vozão

Botafogo 1×1 Ceará – Sensação de alivio

1619 30

Thiago Galhardo foi o artilheiro do time na competição com 12 gols (Foto: Vitor Silva/BotafogoFR)

Um empate resolveria, e foi o que aconteceu. O Vozão conseguiu fazer o básico e garantiu sua permanência na competição para o ano que vem, e o objetivo final foi alcançado, não da maneira pretendida, mas foi.

Falando sobre a partida, para não perder o costume, o time mais uma vez tomou gol jogando fora de casa, isso ainda no primeiro tempo, o que deixou seu torcedor ainda mais angustiado com o que pudesse acontecer ao final da rodada.

Restava então, mais uma vez, torcer por um revés do Cruzeiro. Mas, por ironia do destino, foi o tão criticado VAR que viu o pênalti, convertido por Galhardo, que garantiria o empate e o resultado final da partida, dando ao Vozão o direito de seguir na competição para o ano que vem.

Apesar do objetivo alcançado, não consigo achar motivos para comemorações, o sentimento que melhor retrata esse momento é o de alivio, pois foi um ano difícil para o tão maltratado, judiado e sofrido torcedor alvinegro, que mais uma vez viu os velhos e conhecidos erros sendo novamente cometidos pela diretoria, que a cada ano se mostra ainda mais despreparada quando o assunto é relacionado ao setor do futebol.

Com a vaga na Série A garantida por mais um ano, resta agora fazer uma limpa no elenco, rever a forma de planejar o futebol no clube e torcer para que em 2020 o torcedor alvinegro não tenha que, mais uma vez, passar por tantos sofrimentos durante uma temporada.

Confesso que, a permanecer com essa mesma trupe que se encontra a frente do departamento de futebol do clube, minhas expectativas para que em 2020 tenhamos um ano sem tantos sofrimentos é algo perto de zero.

Portanto, fora Robinson de Castro!

Confira os gols da partida.

Confira a ficha técnica da partida AQUI.