Blog do Vozão

Ceará 2×0 CSA – Indo e evoluindo

74 3

Mendoza comemora com os companheiros seu primeiro gol pelo Vozão (Foto: Felipe Santos/Cearasc.com)

Depois de três empates seguidos, o Vozão fez uma boa partida e voltou a vencer na competição, segue invicto e mantém acesso o sonho do tri-invicto.

O time fez um primeiro tempo dentro daquilo que o torcedor espera, se impondo, tendo o domínio do jogo, chegando com força ao ataque e sendo firme na defesa. Poderia ter definido a partida logo na etapa inicial se não tivesse pecado tanto na hora de finalizar as jogadas em gol.

No segundo tempo o time manteve a pegada até a metade da etapa, depois caiu de rendimento, o que já era esperado por conta da falta de ritmo de jogo, mas o time soube suportar até o final, apesar de ter tomado alguns sustos, mas usou bem sua arma mortal, o contra ataque, para definir a partida.

Indiscutivelmente Mendoza foi o nome do jogo, se movimentou muito bem, quis jogo o tempo, marcou gol e deu assistência para outra. Dos novos contratados, ninguém mais do que tem correspondido às expectativas até aqui.

Zagueiro Messias fez sua estreia e, ao lado de Luiz Otavio, passou muita segurança ao setor defensivo.

Já nosso craque Vina mostra que carece de mais alguns jogos para pegar embalo, e quando isso acontecer tem tudo para fazer uma boa dupla com Mendoza.

Vizeu fechou o placar para o Vozão (Foto: Felipe Santos/Cearasc.com)

Essa foi à terceira partida que Guto Ferreira utiliza o time considerado titular, e de todas foi a que mais se viu evolução de uma partida para outra. É claro que o time ainda está longe do ideal.

Mas não se chega ao ponto ideal sem antes utilizar todos os ingredientes necessários e saber mexer bem até encontrar o ponto do doce.

Basicamente o time é esse aí mesmo. Vejo que Lima e Jael, por exemplo, deverão fazer parte do time, sem esquecer de Sobral, que não atuou nessa partida. Mas isso quem dirá é o tempo.

Enfim, o importante é que aos poucos o time vai ganhando corpo. Que Guto Ferreira possa encontrar o ponto do doce na hora certa.

Próxima partida pode valer a classificação antecipada em caso de vitória, mas a parada não será nada fácil, pois o adversário será o Sport, em Recife.

Confira os gols da partida.

3 Comentários

  • Dragão Alvinegro disse:

    O Ceará continua com os mesmos problemas de 10 anos atrás. Temos quatro centroavantes que não sabem fazem fazer gols. Cleber, Vizeu, Saulo Mineiro e Jael. Vamos passar os mesmos sufocos de anos anteriores. Não temos lateral direito e só temos um lateral esquerdo. Jogador de criação, só temos o Vina e o Lima. Agora, volantes, temos uma carrada. Na zaga, temos quatro zagueiros. O time está, mais uma vez, desbalanceado. Como é dificil essa diretoria aprender a montar um time de futebol. Tem mais: Daqui alguns dias, vão dispensar o Vizeu e ficaremos somente com 3 centroavantes que não resolverão o problema.

  • Neto disse:

    Gostei do Vozão. Todas as contratações estão correspondendo muito bem, único porém, talvez o Jael, que precisa mostrar mais. Ainda, acontecerão jogos ruins, mas, tenhamos calma, pois o time está se ajustando. SA

  • Dylvardo disse:

    Com 66% de aproveitamento, o Ceará aumentou a maior sequência invicta da Copa do Nordeste. Com essa vitória sobre o CSA, o Alvinegro do Porangabuçu aumentou o próprio recorde de ter a maior sequência invicta da história da competição regional, com 18 jogos de invencibilidade. Isso sem jogar lá essas bola toda. Prova de que somos o maior do Nordeste, apesar de tudo…Mas ainda tem que melhorar, e muito…

\

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *