Mochila Radical

Turismo seguro: medidas de segurança em viagens aéreas

 

Turismo seguro: medidas contra a covid-19

O uso de máscara é indispensável durante toda a viagem

[Turismo seguro] A pandemia da Covid-19 mudou completamente os planos de viagens de muita gente. Aqui, no Ceará, já estamos na fase 4 da retomada gradual da economia e as viagens de avião estão liberadas mediante algumas medidas de seguranças.

> Retomada do turismo: Jericoacoara reabre para visitação 

De acordo com a Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC), o uso de máscara é indispensável para proteção dos passageiros e funcionários das companhias aéreas e aeroportos. É preciso cuidados especiais antes, durante e depois do embarque para garantir uma viagem segura.

> Tetracampeão Carlos Mário “Bebê se torna embaixador de kite trip

Para evitar aglomeração de pessoas no desembarque, a ANAC estabeleceu que motoristas e familiares não poderão permanecer aguardando dentro do aeroporto.

> Barracas de praia voltam a funcionar em Fortaleza

> Blog Mochila Radical relembra bons momentos de leitores no Instagram 

Turismo seguro – Confira as orientações ao viajar de avião:

SE PREPARANDO PARA VIAJAR: 
– Uso de máscara no aeroporto
– Uso de máscara durante toda a viagem no avião

Check-in pela internet

A recomendação às empresas aéreas é para que garantam o distanciamento social mínimo de segurança de até 2 metros entre passageiros que precisam de atendimento no check-in de embarque no aeroporto. Mas a melhor recomendação para reduzir a exposição ao risco é a realização antecipada do check-in, pela internet.

Álcool em gel

O álcool em gel 70% é um dos produtos recomendados para a manutenção da higiene pessoal e proteção contra o contágio por coronavírus. O produto pode e deve ser utilizado durante as viagens aéreas. Mas é preciso estar atento às regras para transportar: na bagagem de mão é limitado a não mais do que 500 ml e com o fechamento em perfeito estado para prevenir a liberação do conteúdo. No caso de voos internacionais, os frascos de álcool em gel devem ser de plástico transparente e com capacidade máxima de 100ml.

NO AEROPORTO
Proteção para funcionários
Todos os profissionais que trabalham no sistema de transporte aéreo devem utilizar EPIs (Equipamentos de Proteção Individual) como máscaras, luvas e vestuário especial, se necessário, para se protegerem e afastarem o risco de transmissão do novo coronavírus.

Higienização das mãos
Além do uso do álcool em gel, lavar as mãos com água e sabão, sempre que possível, é um hábito muito importante. Para manter as mãos limpas, passageiros e tripulantes contarão com aeroportos e aeronaves sempre equipados com água, sabão e recipientes de álcool em gel.

Distanciamento entre pessoas
Manter o distanciamento social no aeroporto é mais uma medida importante para a redução do risco de infecção por coronavírus. Assim, deve-se observar a distância, sempre que possível, de aproximadamente 2 metros entre os passageiros em filas e espaços comuns do aeroporto.

Assento no aeroporto
A mesma regra de distanciamento nas filas e nos espaços comuns do aeroporto é sugerida para os assentos. Assim, a recomendação é para que administração do terminal bloqueie parte dos assentos a fim de evitar a proximidade física entre os passageiros que aguardam seus voos.

Evite as aglomerações
Assim como em nosso dia-a-dia, a orientação geral no transporte aéreo é evitar aglomerações a fim de reduzir a transmissão do coronavírus, especialmente nas praças de alimentação e nos momentos de check-in, saída da aeronave e desembarque – aguarde a sua vez.

Banheiro do aeroporto
Os banheiros do aeroporto devem ser mantidos limpos, com desinfecção completa pelo menos 3 vezes ao dia. Os banheiros devem estar sempre supridos com sabonete líquido, água corrente e papel toalha.

Higienização do aeroporto
Os ambientes e equipamentos do aeroporto devem ser limpos e desinfectados com frequência, com reforço para a higienização de locais de maior toque, como elevadores, corrimões, braços de cadeiras, carrinhos de bagagem, passador de escadas rolantes, bebedouros e maçanetas das portas dos banheiros.

NA AERONAVE
Segurança do ar a bordo
Precisa viajar e está com receio de entrar na aeronave? Fique tranquilo, as aeronaves da frota brasileira contam com um sistema de filtragem que renova o ar a cada 3 minutos e captura cerca de 99% das partículas no ar. Só não se esqueça de permanecer de máscara durante todo o voo.

Cuidado no desembarque
O embarque e o desembarque são as etapas da viagem aérea que merecem atenção especial para a redução dos riscos de contágio da Covid-19. Após o pouso, o passageiro deve permanecer sentado até que seja autorizado a se levantar e deixar a aeronave seguindo a orientação da tripulação.

Serviço de bordo

Quando houver serviço de bordo, os comissários deverão adotar cuidados adicionais, como redução da manipulação de embalagens e dos deslocamentos na aeronave. Devem ser priorizados alimentos e bebidas servidos em embalagens individuais e recipientes fechados, higienizados antes do oferecimento do serviço.

Higienização da aeronave

Antes de cada embarque, a limpeza e a desinfecção da aeronave deve abranger superfícies de banheiros, braços das poltronas, cinto de segurança, mesinhas de refeição, telas touchscreen, saídas do sistema de ar condicionado, botões de chamada de comissário e luz individual, maçanetas das portas (banheiros e compartimentos de bagagem de mão) e janelas.

AO DESEMBARCAR
Aguarde a chamada sentado
Na saída da aeronave vale a mesma regra de se evitar aglomerações, então aguarde a chamada do Comandante e a abertura das portas para se levantar e preparar para sair.

Busque manter o distanciamento na saída
Ao retirar suas bagagens ou quando vai pedir um transporte para deixar o aeroporto mantenha o distanciamento social. Também é importante evitar a aglomeração de pessoas no desembarque, logo, motoristas e familiares não poderão permanecer aguardando dentro do aeroporto.

Com essas recomendações você pode ficar mais confiante de que o transporte aéreo tem se preparado para continuar garantindo viagens seguras. Lembre-se de voar somente quando necessário e uma boa viagem!

*Com informações da ANAC.

Voos internacionais

A ANAC orienta que passageiros que chegam de destinos internacionais fiquem em isolamento social durante 14 dias.

Desde julho o Governo Federal autorizou a reabertura das fronteiras aéreas para a entrada de estrangeiros no Brasil. A exceção se aplica aos aeroportos de Mato Grosso do Sul, Paraíba, Rondônia, Rio Grande do Sul e Tocantins.

No Brasil, visitantes vindos de outro país podem permanecer por até 90 dias no país, desde que tenham um comprovante de seguro de saúde.

O setor turístico e de eventos vai voltar gradualmente e a tendência é que o fluxo de voos aumente no Ceará a partir de setembro.

No Ceará, aos poucos, as empresas aéreas estão retornando às operações em voos internacionais.

Em entrevista ao Mercado & Eventos, o secretário de turismo do Ceará , Arialdo Pinho, afirmou que “a TAP voltou já, estavam dois semanais e será sob demanda, se a Europa abrir para o Brasil eles aumentarão os voos, que era um por dia. A Air France volta dia 10 de outubro com todos os seus voos, três voos semanais. A KLM é que deve voltar no fim de outubro ou início de novembro. A Air Europa volta no início de novembro com dois voos semanais e podendo chegar a três a partir de dezembro e a que a voa pra África, a Cabo Verdes, TACV, outubro, fim de outubro eles estão voando.”

Ainda conforme Arialdo, toda a rede hoteleira do Ceará retornará com os serviços até 10 de setembro.

Alguns hotéis do estado fecharam por falta de demanda.

 

 

Recomendado para você

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *